iPhones receberão atualização para o 5G SA até setembro, afirma Fábio Faria

Ministro das Comunicações se encontrou com executivos da Apple, nos Estados Unidos, para disponibilizar a versão ‘pura’ da rede nos aparelhos.

Na última quinta-feira (04), Fábio Faria, ministro das Comunicações (MCom), se reuniu com executivo da Apple em Palo Alto, nos Estados Unidos, onde conversaram sobre a disponibilidade da atualização dos iPhones para o 5G ‘puro’ no Brasil. Após a reunião, o ministro afirmou que a empresa norte-americana deu o prazo até setembro para fazer essa atualização no aparelho.

Atualmente, os modelos dos smartphones da Apple que são compatíveis com o 5G possuem acesso apenas às conexões no padrão non-standalone (NSA). Mesmo tendo uma elevada velocidade de download, esse padrão faz uso da estrutura de rede 4G, fazendo com que o tempo de resposta entre o envio de dados e execução de tarefas seja maior, o que é chamado de latência.

De acordo com divulgação nas redes sociais de Fábio Faria, os engenheiros da Apple no Brasil iniciaram o teste referente ao suporte da tecnologia na sua versão standalone (SA). O prazo para lançar a atualização nos dispositivos será até setembro, sendo que todo o processo será reportado à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

“Viemos tratar de um assunto principal para nós que é atualização do iPhone para os clientes brasileiros em relação ao 5G standalone. Pedimos que até o mês de setembro fossem feitas essas atualizações e eles estão com contato com os engenheiros do Brasil e vão nos reportando”, afirmou Faria, em suas redes sociais.

De acordo com a equipe do Tilt UOL, que entrou em contato com a empresa para saber sobre o prazo de setembro, a gigante de Cupertino informou que não poderia comentar a previsão dada pelo ministro.

Vale observar que o prazo mencionado por Fábio Faria está alinhado ao cronograma previsto pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), onde as operadoras deverão ativar a rede em todas as capitais até 29 de setembro.

No momento, cinco capitais já contam com a tecnologia: Brasília, Belo Horizonte, João Pessoa, Porto Alegre e São Paulo. De acordo com a agência, as próximas capitais a receber a rede são: Curitiba, Goiânia, Rio de Janeiro e Salvador. No entanto, não há uma data confirmada para o início da operação. Já as outras capitais ainda não possuem previsão.

SourceUOL
Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
1
0
O que você acha? Comente!x