Entenda qual será a importância da fibra óptica para o 5G

Assim como as outras tecnologias, a rede precisará de uma estrutura cabeada para transferir seu tráfego, é aqui que a fibra será importante.

O 5G ainda não está consolidado no mercado brasileiro, sendo que foi lançado apenas no Brasil, que é a primeira capital a receber a rede, e em breve será ativada nas outras capitais do Brasil. No entanto, assim como alcance com as anteriores, a quinta geração de internet sem fio precisa transferir tráfego para uma estrutura cabeada e de alta qualidade, mas como isso será feito?

A resposta está na rede fibra óptica. De acordo com Gary Bolton, que dirige a Fiber Broadband Association, ao CNET, “primeira regra para construir uma rede sem fio é fazer com que os sinais saiam do ar e cheguem ao solo no primeiro ponto disponível”.

Assim como ele explica, é como se fosse construir uma casa e para isso é necessário ter uma base sólida de infraestrutura, sendo que nesse caso do 5G, a fibra é fundamental, uma vez que é a prova de futuro.

A fibra óptica está longe de ser uma tecnologia ultrapassada. Além disso, há duas explicações técnicas porque a fibra será fundamental para o sucesso do 5G. A primeira se refere a necessidade de uma grande capacidade de transporte de dados.

Entre as principais vantagens do 5G está a sua capacidade de conectar mais dispositivos e eventualmente até oferecer feedback em tempo real, por exemplo, de aplicativos de combustíveis, como carros autônomos e experiências avançadas em realidade aumentada. Por causa disso, a grande capacidade de dados que a fibra óptica possui, poderá auxiliar o sucesso do 5G.

A outra razão muito importante é a dependendo do verdadeiro 5G de uma mistura dos chamados espectros de onda médias e milimétricas, operando em frequências muito mais altas do que o espectro de banda baixa usado para implantar o 4G LTE. Com isso, o alcance de transmissão é consideravelmente menor em comparação às frequências de banda baixa do 4G.

Dessa forma, as redes que usam as frequências de nada media em áreas rurais, necessitam de uma quantidade maior de torres de celular, sendo que essas torres precisam de acesso maior a rede de fibra óptica.

“O futuro das redes 5G e realmente de qualquer rede de próxima geração depende de nossa capacidade de densificar, enriquecer e construir o máximo de fibra o mais rápido possível. Seja 5G, satélite de baixa órbita, wireless fixo, rede sem fio de pequenas células,” explicou Chip Pickering, CEO da Incompas, uma associação comercial que defende a política de concorrência em todas as redes.

Além disso, Pickering afirma que quanto maior o uso de fibra óptica, “mais ela permitirá que todos os outros tipos de tecnologias de rede sejam de alta capacidade, altamente confiáveis e redundantes”.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x