03/07/2022

5G DSS proporciona downloads 2,3 vezes mais rápidos que o 4G, segundo Opensignal

Consultoria divulgou o relatório “Com novo espectro, 5G deve melhorar no Brasil” sobre a experiência dos usuários em relação às redes móveis.

De acordo com um estudo da consultoria Opensignal, mesmo não tendo acesso ao novo espectro 5G, os usuários brasileiros conseguiram ver melhoria considerável na velocidade de download 5G e na velocidade de upload quando atualizaram de 4G para 5G. A velocidade máxima de download 5G foi 2,3 mais rápida que a velocidade no 4G.

Ao mesmo tempo, as velocidade médias de upload que os usuários apresentaram foram 2,1 vezes mais rápidas em 5G em comparação com a geração anterior de internet móvel.

Enquanto o 5G standalone não chega no país, a Opensignal lembra que, atualmente, as operadoras precisam usar a Dynamic Spectrum Sharing (DSS), que usa o espectro 4G para conexão 4G e 5G, o que limita qualidade da experiência 5G até o momento, mas o cenário pode mudar com a implementação do 5g ‘puro’, que está previsto para ser lançado nas capitais brasileira no final de setembro.

Embora tenha apresentado aumento de 4G para 5G para velocidade média de download, o aumento foi menor quando comparado a 41 principais mercados de 5G. Enquanto o Brasil teve aumento de 2,4 vezes, em outros mercados o aumento foi de 4,7 vezes. Ao comparar a velocidade máxima de download do 5G, nossos usuários brasileiros veem um aumento de 2,3 vezes, enquanto os usuários dos 41 principais mercados 5G veem um aumento de 3,3 vezes ao atualizar de 4G para 5G.

Ainda de acordo com o relatório, ao observar as métricas experimentais: 5G Video Experience, 5G Games Experience e 5G Voice App Experience, foi descoberto que a pontuação do Brasil estão estatisticamente no mesmo patamar de 41 principais mercados 5G, em relação jogos móveis multijogador e usar over-the-top (OTT serviços de voz — aplicativos de voz móveis, como WhatsApp, Skype e Facebook Messenger.

Na experiência móvel, o aumento de 4G para 5G no Brasil foi maior do que a média dos 41 principais mercados 5G. Para o Video Experience, o Brasil teve um aumento de 19,4 pontos (39,1%), enquanto os 41 principais países 5G tiveram um aumento de 16,5 pontos (28,0%).

Em relação a experiência nos games, enquanto o Brasil teve um aumento de 13,9 pontos (22,7%), os 41 principais países 5G tiveram um aumento de apenas 4,7 pontos (6,6%). No Voice App Experience, o país teve um aumento de 4G para 5G de 5,3 pontos (7,0%), enquanto os 41 principais países 5G tiveram uma melhora de apenas 1,2 pontos (1,5%).

Com isso, a Opensignal chegou à conclusão que a experiência móvel dos usuários brasileiros será melhor quando a operadora puder usar completamente o espectro específico para a quinta geração de conectividade móvel. O novo espectro 5G usado para implantações de rede ajudará a melhorar a experiência 5G brasileira.

“As operadoras brasileiras estão agora bem posicionadas para aproveitar os ativos de espectro que adquiriram no recente leilão para impulsionar a experiência 5G. Embora a maioria dos outros mercados da América Central e do Sul também tenha lutado para liberar espectro para uso de 5G, o Brasil agora deve se tornar um dos líderes regionais de 5G, conclui a Opensignal.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x