WhatsApp lança recurso para proteger conversas ‘íntimas’

Fotos e vídeos que ‘desaparecem’ finalmente estarão disponíveis no famoso app de mensagens; saiba os detalhes.

Imagem: Ilustrações de conversas no WhatsApp - Divulgação
Imagem: Ilustrações de conversas no WhatsApp – Divulgação

Parece que muitos usuários do WhatsApp tiveram seus pedidos ouvidos. O mensageiro pretende disponibilizar em breve um recurso para que todos consigam compartilhar vídeos e imagens que desaparecem após a visualização. Muitos já conhecem a novidade das conversas privadas do Instagram.

Obviamente, trata-se de um recurso que vai incentivar e facilitar conversas íntimas entre os usuários pelo app. Mas, há também o benefício para conversas que podem ser definidas como ‘sigilosas’. Ideal para quem costuma compartilhar senhas ou outros dados sensíveis pelo WhatsApp, mesmo que não seja tão recomendado.

Curiosamente, a novidade chegou logo após a explosão dos Fleets no Twitter. Na verdade, assim que a rede anunciou que descontinuaria o recurso, usuários do mundo inteiro aproveitaram para postar conteúdos íntimos. O ‘fenômeno’ de despedida certamente pode ter exemplificado comportamentos nas redes para os desenvolvedores do Facebook.

Pelo WhatsApp, os usuários terão o direito de clicar uma única vez para visualizar o conteúdo, antes dele sumir completamente. Se a imagem ou vídeo não for exibido, um prazo de 14 dias será estabelecido para a visualização do receptor.

VEJA TAMBÉM:

–> Usuário pode desabilitar visualização de áudio no WhatsApp

–> Veja como arquivar permanentemente suas conversas no WhatsApp

–> Confira o posicionamento do Facebook sobre a falha do WhatsApp nesta sexta

Mas, vale lembrar que o próprio app recomenda cautela no uso do recurso. Afinal, uma pessoa poderá fazer uma captura de tela da imagem enviada com expiração ou até mesmo fotografar a tela do smartphone que recebeu.

No entanto, a empresa explica que, de forma alguma, o material ficará salvo em fotos ou na galeria do destinatário. Também não será possível salvar, favoritar, encaminhar ou compartilhar o conteúdo recebido, mesmo antes da visualização.

E claro, a informação que muitos devem estar interessados: vai ser possível saber se a pessoa que recebeu visualizou? Sim, mas apenas se as configurações estiverem adaptadas para isso. Será necessário marcar as confirmações de leitura normalmente no aplicativo.

Com informações de WhatsApp

About Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários