CNN Brasil tem planos de estrear na TV aberta

Emissora pode vir a ocupar a mesma faixa antes utilizada pela Loading e que era desejada pela Jovem Pan.

CNN Brasil tem planos de estrear na TV aberta

A alta cúpula do canal CNN Brasil está interessada em estrear na TV aberta.

O canal de notícias está em negociações com a Ideal TV (proprietária da concessão), para utilizar o canal 32 UHF, em São Paulo, o mesmo que era ocupado pela antiga MTV Brasil, e mais recentemente pela recém-falida Loading.

A informação é do jornalista Flávio Ricco.

Antes da CNN, a Jovem Pan também estava interessada em estrear um canal próprio na TV aberta, mas a negociação da rádio com os donos da Ideal TV não foi adiante.

VEJA TAMBÉM:

–> CNN Brasil terá serviço de streaming gratuito

–> CNN Brasil negocia fusão com rede nacional de TV

–> CNN Brasil é eleita como emissora mais ‘imparcial’

Apesar do fracasso nas conversas, a Jovem Pan ainda mantém planos de lançar um canal de notícias.

Já a CNN, não é de hoje que a emissora tem interesse em operar no sinal aberto, mesmo que seja na forma de uma parceria com outros canais.

“A CNN Brasil recebeu propostas de emissoras de TV aberta que estão em fase de análises de viabilidade e estão sendo tratadas em caráter de confidencialidade”, afirmou a empresa.

A ideia é disponibilizar o mesmo sinal da TV Paga no sistema aberto de televisão, o que não geraria, em um primeiro momento, custos extras para novas contratações ou produção de novos telejornais.

Desde o ano passado, o canal vê a pandemia atual como uma oportunidade para alcançar um público maior.

Ainda não há nenhuma confirmação, mas fontes afirmam que a diretoria da CNN está interessada no canal 32 UHF.

Recentemente, Douglas Tavolaro deixou o cargo de CEO da CNN Brasil, sendo substituído pela jornalista Renata Afonso.

“É uma equipe supertalentosa, uma estrutura incrível. Estou falando da parte interna porque a programação eu já conhecia por ser consumidora assídua do canal. Já mexi em algumas coisas pequenas, de distribuição, de segurança. Ainda estamos numa pandemia. Temos que redobrar a segurança das pessoas que são obrigadas a vir trabalhar – não dá para todo mundo fazer jornal de casa. Uma vez que as pessoas têm que vir trabalhar, eles precisam de um ambiente seguro”, avaliou a nova executiva em entrevista ao UOL.

Com informações de RD1 e Observatório da TV.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
3 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários