Veja com quantos clientes da Oi Móvel cada operadora deve ficar

Em números oficiais, Claro, Vivo e TIM divulgaram a porcentagem de consumidores que serão migrados para uma nova cartela.

Wikimedia Commons
Imagem: Wikimedia Commons

Agora com mais detalhes, TIM, Claro e Vivo apresentaram a proposta de divisão da Oi Móvel, após arrematarem os ativos por R$ 16,5 bilhões.

Vivo

A operadora da Telefônica Brasil vai desembolsar 33% do valor pedido, cerca de R$ 5,5 bilhões.


Na proposta, a Vivo tem intenção de ficar com aproximadamente 10,5 milhões de clientes da Oi Móvel, 29% da base total.

Já na parte dos espectros, 46% das radiofrequências estarão em posse da marca, ou seja, 43MHz.

TIM

Vista como a maior beneficiada do leilão, a tele vai arcar com 44% do valor total, o que remete a um montante de R$ 7,3 bilhões.

Os clientes que vão migrar para a cartela da TIM correspondem a 40% da base total, ou seja, 14,5 milhões de consumidores.

Na radiofrequência, a empresa terá 49 MHz, 54% do total dos ativos da Oi.

ECONOMIZE! 💰 Compare os planos das operadoras de celular e escolha o mais vantajoso para você.

VIU ISSO?

–> Decisão histórica da Anatel vai melhorar uso do Wi-Fi no Brasil

–> Oi anuncia fibra óptica de 5ª geração para 2021; conheça

–> Oficial: Claro, Vivo e TIM compram a Oi Móvel

Claro

A “operadora do sol” será responsável pelo pagamento de 22% do valor, o que remete a R$ 3,7 bilhões.

Nos clientes, a companhia ficará com 32% da base total e não divulgou o número exato que essa porcentagem representa, que deve ser na casa dos 10 milhões.

Em radiofrequências, a porcentagem será na mesma faixa.

O que falta?

Vale destacar que as operadoras dependem ainda do aval da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e do CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

A proposta apresentada requer a liberação das entidades supracitadas.

Por sinal, o processo pode ser complexo de demorado, de acordo com as informações da matéria abaixo:

Com informações de Relações com Investidores Claro, TIM e Vivo.

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
10 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários