InícioEconomia e NegóciosNubank tem planos de se lançar no mercado das telecomunicações

Nubank tem planos de se lançar no mercado das telecomunicações

Após iniciar a abertura de seu capital na Bolsa de Nova York, empresa vê no setor de telecomunicações uma possível área de atuação.

A Nubank tem expandido seus negócios, para além do seu banco digital, para novas geografias e em “setores adjacentes”. Dessa vez, após iniciar a abertura de capital (IPO) na Bolsa de Nova York, a empresa acredita que o setor de telecomunicações pode ser uma possível área para sua atuação. O assunto foi mencionado em prospecto preliminar protocolado no último dia 1º na Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC).

No documento (prospecto preliminar), o Nubank relatou que a empresa já tem uma base de usuários de 48,1 milhões no final do terceiro trimestre deste ano, sendo 35,3 milhões de clientes mensais ativos. Vale ressaltar que o banco digital faz intermediação com as teles nas recargas de pré-pagos móveis dos usuários.

Para que o Nubank inicie sua entrada e cresça no segmento, é necessário que haja uma amadurecimento da infraestrutura doméstica, já que a dependência do modelos de negócios da empresa frente às redes de telecomunicações é um fator de risco para a operação, assim como relação com outros fornecedores de TI, sistemas e hospedagem.

“O crescimento é limitado por infraestrutura inadequada, incluindo potencial escassez de energia e deficiências nos setores de transporte, logística e telecomunicações, greves gerais, falta de mão de obra qualificada e falta de investimentos privados nessas áreas, o que limita a produtividade e a eficiência”, declarou a fintech.

LEIA TAMBÉM:

–> Nubank promete aumentar limite de 35 milhões de clientes

–> Nubank vive segunda-feira de falhas e instabilidades

–> Nubank é o maior banco a originar recargas de pré-pago na Oi


Quanto à sua abertura na Bolsa de Nova York, a fintech pretende vender cerca de 289 milhões de ações ordinárias no IPO, onde poderá levantar até US$ 3,6 bilhões ao longo do processo. De acordo com o documento, os recursos líquidos deverão ser direcionados para o capital de giro, despesas operacionais, de capital, investimento e eventuais aquisições. No prospecto preliminar, a Nubank também protocolou a oferta de Brazilian Depositary Receipts (BDRs) na B3.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.

4 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
4 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários