InícioDefesa do ConsumidorEm vídeo, Procon-SP ensina como deletar dados de celulares roubados

Em vídeo, Procon-SP ensina como deletar dados de celulares roubados

Criminosos têm furtado aparelhos para acessar aplicativos de bancos e aplicar golpes.

Em vídeo, Procon-SP ensina como deletar dados de celulares roubados

Nesta semana, o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Estado de São Paulo (Procon-SP) publicou um vídeo no YouTube (disponível logo abaixo) no qual instrui os usuários como apagar dados de smartphones furtados ou roubados.

A iniciativa surgiu após reunião do Procon-SP com as operadoras Vivo, TIM, Claro; além de representantes da Febraban; das fabricantes Apple, Motorola e Samsung; e do Google e Facebook.

O órgão tem recebido denúncias de que criminosos estão roubando aparelhos para acessar aplicativos de bancos para aplicar golpes, como fazer transferências, fazer empréstimos ou outras transações em nome da vítima.

Durante a reunião, as empresas detalharam os mecanismos e procedimentos de segurança utilizados nos dispositivos e plataformas.


VEJA TAMBÉM:

–> Após roubo de dados, Procon-SP notifica Samsung, Apple e Motorola

–> Procon-SP convoca reunião com Facebook para discutir novas regras do WhatsApp

–> Reclamações contra telemarketing sobem 76% nos primeiros quatro meses do ano

No vídeo, Fernando Capaz, diretor executivo do Procon-SP, faz o alerta sobre o crime e orienta os consumidores sobre como proceder.

“Se roubaram o seu celular, em pouco tempo uma quadrilha vai aplicar golpes na sua conta bancária e te causar prejuízos enormes. Não espere! Defenda-se. Não há tempo para você informar seu banco, corra para o primeiro celular ou computador e apague os dados do seu celular”, afirma Capaz.

O diretor do Procon-SP explica que o usuário pode limpar os dados do celular acessando as páginas android.com/find (para celulares Android) ou icloud.com (para iPhones e outros dispositivos iOS).

Com esse procedimento, os criminosos não têm como aplicar o golpe, diz Fernando.

Confira o vídeo do Procon-SP abaixo:

O Procon também pretende lançar em breve uma central para auxiliar os usuários que tiveram os aparelhos roubados.

A entidade afirma que está analisando com os diferentes setores a melhor forma de implementar essa central.

Enquanto isso, o órgão de proteção ao consumidor recomenda que as vítimas façam o boletim de ocorrência e entrem em contato com os bancos para bloquear contas, além das operadoras para desativar o chip e o IME dos celulares.

Com informações de Procon-SP.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários