InícioDefesa do ConsumidorApagão da Claro net pode resultar em inquérito contra operadora

Apagão da Claro net pode resultar em inquérito contra operadora

Segundo denúncia, 20 bairros de um único município sofreram com a falha nos serviços da operadora; entenda.

Internet falha - Ilustração
Imagem: Pixabay

Um suposto apagão da operadora Claro net em Jundiaí, município no interior de São Paulo, deve resultar em um inquérito contra a operadora. O Ministério Público do estado já se encontra em processo preparatório.

A investigação terá como objetivo analisar a ocorrência de danos coletivos pela falha dos serviços prestados pela companhia.

Se ficar comprovado, as medidas administrativas ou judiciais serão adotadas. Portanto, o procedimento preparatório de inquérito civil já foi instaurado pelo Ministério Público, no âmbito da Promotoria de Justiça do Consumidor de Jundiaí.

De acordo com as informações, a remoção de um cabeamento de fibra óptica gerou a interrupção dos serviços, que surpreendeu moradores.

O infortúnio ocorreu em um trecho da rodovia João Cereser, perto do Parque da Cidade.

Os cabos foram instalados de maneira irregular. A concessionária Rota das Bandeiras até tentou o contato, mas não obteve retorno.

VIU ISSO?

–> Colunista aponta ‘variação de sons’ na TV paga da Claro net

–> Claro net tv cobra R$ 90 para atualizar decodificador

–> Emissora ganha sinal aberto na SKY, Claro net e Vivo TV

Com isso, os cabos foram retirados, já que a instalação necessitava da autorização da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), além da concessionária.

Qualquer serviço realizado nas faixas de domínio das rodovias estaduais deve ser comunicado e posteriormente autorizado.

O procedimento é para garantir a segurança dos usuários que trafegam pelo local.

[ATUALIZAÇÃO – 26/06/2020 19h19]:

Em contato com o Minha Operadora, a prestadora comunica:

A Claro informa que seus serviços operam normalmente no município de Jundiaí e que tomará as medidas cabíveis em relação ao incidente com a Rota das Bandeiras.

Com informações de Jornal de Jundiaí

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
CONTEUDO RELACIONADO
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários

MAIS POPULARES