Claro impõe contratação de combo para cliente, segundo relato

Consumidor solicitou apenas o serviço de banda larga, mas a operadora informou que não haviam cabos na região para fazer o procedimento de instalação.

Imagem: NeedPix

Um consumidor de São Paulo relatou ter solicitado a contratação do serviço de banda larga da Claro, a promoção em que o cliente leva 120 Mbps com velocidade dobrada por 12 meses, mas não teve sua demanda entregue.

Cerca de uma hora depois da venda, a operadora enviou um e-mail para Nélio Aparecido dos Santos, técnico em raio-X, com a afirmação de que não haviam cabos disponíveis para fazer a instalação na rua em que ele vive.


Foi quando surgiu a primeira contestação, já que o consumidor sabe que o serviço é oferecido no prédio que fica em frente à sua casa.

Em uma nova tentativa, a contratação foi concretizada mais uma vez, porém, o procedimento se repetiu. O e-mail da Claro chegou, com a mesma mensagem que haviam enviado anteriormente.

A situação ficou ainda pior quando o técnico ligou para a Central de Televendas da Claro e relatou o problema. O atendente responsável alegou que ele só poderia fazer a contratação de um pacote de serviços, não de um deles em sua individualidade.

Nélio Santos ressalta, inclusive, que havia cancelado a internet que tinha em sua residência. Portanto, segue sem a prestação do serviço, considerado essencial durante a pandemia do novo coronavírus.

VIU ISSO?

–> Identificação da Claro é alterada no celular de milhões de clientes

–> Clientes Claro flex ganham acesso ao NOW

–> Campanha Claro Mães oferece Galaxy S20 com desconto de R$ 2.600

Assim que o caso chegou à imprensa, a Claro comunicou que já estava em contato com o consumidor em busca de uma resolução para o conflito.

Entretanto, Nélio destaca que nada foi resolvido e a prestadora segue na tentativa de fazer com que ele contrate um combo e não apenas a banda larga.

Com informações de Agora SP (Folha de São Paulo)

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
5 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Thiago Roberto

Semelhante…fiz aquisição da banda larga ontem (3/abril) por um dos canais de propaganda mas recebi via email q o valor só pode ser aquele se contratar o pacote de TV. O instalador vai voltar pq eu quero apenas a internet, ou melhor dizendo, queria.

Cidade - UF
Jaboatão dos Guararapes
Thiago Roberto

A claro precisa ter atenção com suas propagandas. Diz uma coisa e faz outra. Kd a clareza?

Cidade - UF
Jaboatão dos Guararapes
Evelyn Goncalves

Só tenho a reclamar dessa empresa ñ cumpre mesmo o q fala ,fiz um pacote de internet por um valor q conseguia pagar mas a empresa adiciono plano TV junto e entrei na furada cada mês o valor só aumenta ñ tem nada na TV q preste é ainda se vc quiser ver algo tem q pagar é ainda q é pior o filme é velho mas te cobram por conta dos aumentos me descontrolei fora o caos que essa pandemia tem causado em nossos bolsos .entrei em contato por várias vezes tentando cancelar é ficar só c a internet… Leia mais »

Lucia Ráfare

Tenho vários protocolos de não atendimento. Falta lisura na Claro. A fatura do meu marido passou de 454,00 para 856. Isto porque tem a promoção de fatura em débito automático. Tento saber como chegou a isto pois oferecem combo a 250,00 (venda casada não é proibida por Lei?). Deixam você horas no telefone e no site não se consegue nada: não troco de pacote para diminuir já que isto representa a despesa da casa não tiro do débito automático (lógico não?). Onde está a Anatel que não fiscaliza, não pune? O povo fica entregue à sanha dos estrangeiros que vem… Leia mais »

Hélen Jardim

Sou cliente da NET desde 2008. Portanto a claro acabou comprando a Net e virou uma baderna. No dia 8 de abril encerrei um contrato no município de Criciúma SC. Foi retirado os aparelhos. Estamos hoje a 6 de maio e estão me cobrando por e-mail e mensagens e reagendando horários para a retirada de equipamentos. Sendo que já foram retirados e eu já estou morando em outro estado. Já liguei, já reclamei. Arrumam na hora mas depois voltam a mandar mensagens. Estou pensando em desistir de ser cliente. Aff

Cidade - UF
Bagé RS