Lei Geral de Proteção de Dados é adiada para 2021

Governo Federal muda vigência de legislação que protegeria a privacidade de brasileiros durante pandemia.

Na noite desta quarta-feira, 29, o presidente Jair Bolsonaro assinou a Medida Provisória 959/2020 que determina, entre outras medidas, o adiamento da vigência Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) para maio de 2021.

A LGPD define regras de como os órgãos estatais e as empresas devem tratar os dados pessoais dos cidadãos, inclusive aqueles que são coletados durante a utilização da internet ou de redes sociais. Inicialmente, a norma entraria em vigor em agosto e previa sanções e multas para aqueles que a descumprirem.


A MP ainda será analisada pelo Plenário da Câmara. Também tramita no Congresso a PL 1.179, recentemente aprovado pelo Senado, que prevê mudar a vigência da LGPD para a partir de 1º de janeiro do ano que vem, e as multas para agosto de 2021.

A justificativa do adiamento é para que as empresas não sejam impactadas, diante das possíveis dificuldades técnicas e econômicas geradas pela emergência do novo coronavírus.

VIU ISSO?

–> Somos rastreados pelas medidas de combate ao COVID-19?

–> Anatel defende o monitoramento de celulares

–> STF suspende compartilhamento de dados com IBGE

Entretanto, o Ministério Público já demonstrou que é contra adiamento da Lei de Proteção de Dados, afirmando que ela pode ser benéfica no combate ao Covid-19.

Já a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) está preocupada que a pandemia tem sido utilizada como argumento para flexibilizar legislações e direitos, o que poderia gerar consequências jurídicas.

Com informações de Conjur.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários