quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Nokia estipula preço de licenças para smartphones 5G

O que você achou? 
Empresa irá cobrar 3 euros por aparelho que utilizar sua tecnologia, o equivalente a R$ 14,19 na cotação atual.

A Nokia divulgou na última terça-feira (21) ao mercado de fabricantes de dispositivos que já precificou suas licenças 5G. 

A empresa irá cobrar 3 euros para conceder o licenciamento de uso do portfólio de patentes essenciais de padronização (SEP, na sigla em inglês) da marca. O equivalente a cerca de R$ 14,19 por aparelho.

Na prática, significa que do valor de qualquer smartphone compatível com rede 5G no futuro, e que use uma tecnologia exclusiva da Nokia, R$ 14,19 irão para companhia. 

Em outros segmentos (como redes ou IoT) ainda não foram definidos os preços das licenças.

De acordo com a companhia finlandesa, a licença será negociada com base em termos justos, razoáveis e não discriminatórios. 

A empresa também afirma que o preço estipulado toma como base que "partes significativas do emergente padrão 5G New Radio serão baseadas nas inovações da Nokia."

LEIA TAMBÉM:




Isso leva a fornecedora a acreditar que terá uma posição de destaque na SEP quando essas normas forem finalizadas, o que deve acontecer até o final deste ano.

A Nokia ressaltou ainda que esse é um passo importante para ajudar as companhias a introduzir aparelhos móveis capazes de 5G/NR, com os primeiros lançamentos comerciais previstos para 2019. 

Entre as empresas que anunciaram o lançamento do smartphone 5G para o ano que vem estão a LG em parceria com a Sprint e a chinesa Huawei.

A AT&T anunciou que pretende lançar o dispositivo compatível com as redes de quinta geração ainda em 2018.

Já a Apple informou os iPhones serão compatíveis com a nova tecnologia apenas em 2020.

O valor praticado pela Nokia é semelhante ao da concorrente Ericsson (que cobrará de US$ 2,5 a US$ 5, conforme o tipo de aparelho). Já a Qualcomm pretende cobrar de US$ 2,22 a US$ 3,25. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário