sábado, 5 de agosto de 2017

Pará analisa abertura de rede corporativa para provedores regionais

O que você achou? 
Governo do Pará vai firmar parceria com provedor para interligar rede de fibra óptica em 144 cidades do estado. 


A Prodepa, estatal da área de telecomunicações do governo do Pará,  apresentou planos para evolução da rede corporativa na região. A empresa espera interligar a rede de fibra óptica, que possui, em 144 municípios do estado.

Theo Flexa, presidente da Prodepa, anunciou que a empresa deve firmar parceria com provedores regionais de internet e que os contratos estão em fase de análise jurídica para que os modelos sejam definidos.

Flexa confirmou que o governo estadual irá compartilhar a capacidade da rede corporativa com os provedores durante o Encontro de Provedores Regionais, realizado pela Bit Social nesta quinta-feira, 3, em Belém.

O primeiro trecho da rede compartilhada com os provedores regionais será o cabo óptico que interligado entre Barcarena a Ponta das Pedras, na Ilha do Marajó. Essa rota foi construída em parceria com a Celpa, empresa de energia elétrica. O executivo adiantou que a intenção é levar a fibra a outros municípios do estado para que os provedores possam usar a rede para atender a população mais carente.

Flexa também lembrou que a rede da Prodepa evoluiu muito nos últimos dez anos, e que a tarefa da empresa é interligar os órgãos do governo e instituições de atendimento público, como postos de saúde, delegacias e escolas públicas.

O objetivo da parceria com os provedores é levar fibra óptica para 144 cidades do estado, priorizando os municípios com mais de 100 mil habitantes. A empresa deve fazer uma parceria com Eletronorte, Celpa e Isolux para avançar a rede no interior do estado, além de uma parceria com a Telebras no projeto "Xingu Conectado".

LEIA TAMBÉM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário