Provedora Unifique registra lucro de R$ 22,8 milhões em 2021

Segundo resultados financeiros, a empresa registrou uma alta de 64,8% em relação ao trimestre anterior; saiba mais.

A Unifique divulgou seus resultados financeiros do quarto trimestre de 2021, onde a empresa registrou um lucro de R$ 22,8 milhões, um aumento de 64,8% em comparação ao trimestre anterior. A receita líquida registrada no período foi de R$ 142,2 milhões, valor 81,4% maior ante ao obtido no terceiro trimestre. Já o Ebitda ajustado teve aumento de 61% na mesma comparação.

No ano, a receita operacional da Unifique foi de R$ 458 milhões, uma alta de 60,1% em relação aos resultados do ano anterior, enquanto que o lucro líquido de R$ 80 milhões foi superior em 59,6% na comparação anual. A empresa que ingressou na bolsa em julho, terminou o ano de 2021 com cerca de 500 assinantes e mais de 1,6 milhão de home passed.

Em 2021, a Unifique comprou 10 empresas entre carteira de ativos, quotas e ações de sociedade no setor de telecomunicações instalada no Estado de Santa Catarina e Rio Grande do Sul. No Rio Grande do Sul foram adquiridas três ISPs: Naja, TKnet e Guaíba, garantindo 70 usuários no estado, segundo o diretor financeiro da empresa, José Wilson de Souza Junior.

Este ano, a provedora adquiriu a Sygo Internet, que irá acrescentar mais 80 mil usuários gaúchos em sua base de clientes. “Estamos trabalhando dentro do planejamento, focados e preservando o caixa da companhia mantendo, dessa forma, a possibilidade de crescimento”, disse Souza Júnior.

Segundo o balanço, no final de 2021, o caixa da Unifique ficou com mais de R$ 690 milhões, enquanto que o endividamento estava em R$ 490 milhões. O diretor ainda afirma que o aumento do lucro é resultado de um mistura de elementos, como o crescimento sustentável, tanto orgânico quanto inorgânico, retorno dos investimentos, colaboradores comprometidos e boa governança corporativa.

Planejamentos para este ano

Segundo Souza Júnior, a empresa de telecomunicação já está visando novas aquisições e a antecipação de algum serviço da rede 5G, mas ele não detalha o tipo de serviço, alegando ser parte de segredo estratégico, mas que já vem conversando com fornecedores.

A Unifique arrematou uma faixa no leilão do 5G, em consórcio com a Copel Telecom, e prevê a implantação da rede somente a partir de 2023 a 2030, que irá atender 670 cidades catarinenses e gaúchas. Souza Júnior afirma que há possibilidade de pedir a antecipação do uso da faixa de 3,5 GHz à Anatel. “Ainda estamos fazendo as contas”, afirma.

Outro planejamento da provedora está relacionado à bolsa. “Nós estamos entregando resultados, mas as negociações das ações estão com preços abaixo do esperado”, disse.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x