InícioEconomia e NegóciosPesquisa mostra que consumidores gastaram mais em jogos e aplicativos em 2021

Pesquisa mostra que consumidores gastaram mais em jogos e aplicativos em 2021

Isolamento social provocado pela pandemia tem contribuído para que as pessoas busquem por entretenimento nos smartphones; entenda.

Os smartphones estão cada vez mais presente nas atividades cotidianas dos consumidores, desde o trabalho até o momento de lazer. Dessa forma, os gastos que são colocados nesses dispositivos mostram o quão fundamental se tornaram na vida das pessoas.

De acordo com dados do site Burga, os consumidores devem gastar US$ 133 bilhões (R$ 749 bilhões) em aplicativos e jogos móveis em 2021, tanto no Google Play quanto na App Store. Na loja de aplicativos da Apple, os gastos são mais elevados, com US$ 85,1 bilhões (cerca de R$ 479 bilhões), enquanto que na loja do Google são de US$ 47,9 bilhões (cerca de R$ 269 bilhões).

No dia, os consumidores estão gastando aproximadamente US$ 30 milhões (R$ 169 milhões) em jogos e aplicativos, um gasto de US$ 11 bilhões (R$ 61 bilhões) mensais em 2021. Em 2021, foi registrado um crescimento de 19,71% em relação ao ano passado, onde registrou US$ 111,1 bilhões (R$ 625 bilhões).

O segmento de jogos para celular foi o propulsor para o setor de smartphones em 2020. Devido ao período de pandemia, os consumidores se voltaram para os games nos aparelhos como uma forma de passar o tempo e se divertir. Sendo assim, a demanda aumentou, fazendo com que o comércio investisse mais nesse setor.


LEIA TAMBÉM:

–> Samsung domina o market share de smartphones na Rússia

–> Google e Apple estão na mira de órgão regulador de concorrência no Reino Unido

–> Brasil é o país mais caro para comprar produtos da Apple, segundo pesquisa

Com isso, as editoras também começaram a explorar outras maneiras como viabilizar meios de pagamentos por cartão de crédito e débito, cobrança direta da operadora e uso de carteiras digitais, o que também contribui para o aumento de gastos nos aplicativos e jogos.

Em conjunto com a mudança de comportamento e a situação atual do mundo, os downloads e gastos de aplicativos móveis provavelmente aumentarão em meio à crescente penetração dos smartphones e da internet. Além disso, há potencial para aumento de gastos e downloads à medida que os desenvolvedores se concentram em oferecer aplicativos de smartphones de baixa e alta tecnologia para cobrir todos os dados demográficos.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários