Brain, da Algar Telecom, seleciona startups que atuam na área de vendas

Brain Open, centro de inovação da Algar Telecom, busca startups para ajudar micro e pequenas empresas; saiba do que se trata o programa.

A Algar Telecom, por meio do seu centro de inovação em negócios digitais Brain Open, está selecionando startups que atuam na área de jornada digital de vendas e relacionamento com clientes.

Em parceria com a Porto Digital e Softex Recife, o centro de inovação busca startups com soluções para o segmento de Pequenas e Médias Empresas (PMEs) para fazer parcerias. Na iniciativa, as startups devem auxiliar micro e pequenas empresas a serem mais digitais e competitivas.

O programa da Algar Telecom pelo Brain Open está em sua quinta edição e busca startups que tenham pelo menos em fase de tração, ou seja, precisam ter clientes ativos, modelo de negócio validado e com renda recorrente.

Para participar, as startups interessadas devem acessar o portal Innovation Latam e preencher o formulário, sendo que é necessário fornecer informações gerais da empresa e explicar como a startups se encaixa no desafio e qual valor entrega ao cliente.

LEIA TAMBÉM:

–> Algar Telecom lança solução de segurança contra ataques virtuais

–> Algar Telecom pretende expandir rede de fibra óptica para mais cidades

–> Algar Telecom faz parceria com plataforma de gestão de mídias sociais

O Brain também solicitará um pitch deck (material de apoio em apresentações), com a opção de inserir um vídeo institucional ou de pitch. Após essa primeira fase, a seguinte será um desafio de aceleração pocket, com o desenvolvimento de Business Cases para a Algar Telecom.

As startups finalistas passarão por mentorias para avaliar o estágio de amadurecimento de suas soluções e pontos fortes. A partir daí, as empresas participaram do evento de encerramento do programa em fevereiro de 2022, o Demoday. Todas poderão ser selecionadas e poderão dar continuidade ao trabalho em conjunto com a Algar Telecom.

Em todas as edições, o programa já avaliou mais de 500 startups, realizando negócios com 78 delas. O presidente do Brain, Zaima Milazzo, afirma que

“Com o modelo de inovação aberta, temos trabalhado com diversos negócios que nos mostram visões diferentes e disruptivas de como solucionar as dores mais relevantes dos nossos clientes”.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x