InícioEconomia e NegóciosJoint Venture: América Móvil entra em sociedade com Claro Chile e VTR

Joint Venture: América Móvil entra em sociedade com Claro Chile e VTR

Com previsão de ser firmado em 2022, o joint venture engloba dívidas da Claro Chile e da Liberty Latin America; saiba detalhes.

A empresa de telecomunicações mexicana América Móvil anunciou nesta quarta-feira (29) que está entrando em um joint venture (empreendimento conjunto) para expandir os seus serviços no Chile.

O empreendimento envolve a sociedade entre a Claro Chile e a VTR, operadora da Liberty Latin America especializada em serviços fixos de internet em fibra óptica com cerca de 3 milhões de clientes entre banda larga fixa e TV por assinatura.


Com o empreendimento conjunto, as empresas buscam a aceleração na implantação de rede óptica dentro do Chile. Segundo a America Móvil, o capital da sociedade permite a chegada de fibra óptica em 6,5 milhões de casas até 2025, além de um investimento significativo na tecnologia 5G.

A nova joint venture levará a sinergias, onde é estimado a economia de US$ 180 milhões, dos quais, 80% serão apenas nos três primeiros anos da sociedade. Além disso, as empresas esperam ganhos com vendas cruzadas de produtos móveis e fixos.

LEIA TAMBÉM:

–> Dona da TIM anuncia joint venture para a construção de um hub digital no Panamá

–> Joint venture vai oferecer banda larga por satélite no Brasil

–> Companhia de satélites negocia joint-venture com Oi e Vivo

A transação também engloba a dívida de US$ 1,5 bilhão da Liberty Latin America e de US$ 400 milhões da Claro, que passaram a ser divididos pelo empreendimento conjunto.

É esperado que o negócio seja fechado no segundo semestre de 2022, o que vai depender das aprovações regulatórias e dos acionistas das empresas. A Claro Chile também precisará fazer algumas implementações, uma vez que ela não tem ativos DTH (modalidade de transmissão digital via satélite).

O comando da joint venture será dividido entre as companhias, sendo que a Claro deve indicar quatro conselheiros ao board, assim como a Liberty. Enquanto que o presidente do conselho será alternado entre os sócios.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários