InícioInternet Banda LargaGoogle anuncia construção de cabo submarino que vai ligar Brasil aos EUA

Google anuncia construção de cabo submarino que vai ligar Brasil aos EUA

Nova rota será batizada em homenagem a uma abolicionista e autora brasileira.

Google anuncia construção de cabo submarino que vai ligar Brasil aos EUA

Nesta quarta-feira, 9 de junho, o vice-presidente do Google Cloud, Bikash Koley, anunciou a construção do Firmina, um novo cabo submarino que ligará diretamente a costa leste dos Estados Unidos à Praia Grande, no Brasil.

A nova infraestrutura também terá rotas extras na América do Sul, passando por Punta del Este, no Uruguai, e Las Toninas, na Argentina.

Segundo o Google, o Firmina será o cabo submarino mais longo do mundo capaz de funcionar inteiramente de uma única fonte de energia em uma extremidade do cabo, caso as outras fontes de energia ficarem temporariamente indisponíveis.

A ideia é que a rota vai melhorar o acesso aos serviços do Google para os usuários na América do Sul.


VEJA TAMBÉM:

–> EllaLink: Cabo submarino de R$ 1 bilhão é ativado

–> Confira quanto vai custar a fibra de 2 Gbps do Google

–> Parceria entre Globo e Google pode acabar com travamentos no Globoplay

O cabo conta com 12 pares de fibra, com o objetivo de garantir acesso rápido e baixa latência ao Search, Gmail, YouTube, entre outros serviços.

O nome do cabo é uma homenagem à Maria Firmina dos Reis (1825 – 1917), uma abolicionista e autora brasileira cujo romance, “Úrsula”, de 1859, retratava a vida de afro-brasileiros sob a escravidão.

“Procuramos homenagear um pessoa luminosa que trabalhou para promover a compreensão humana e a justiça social. Com este cabo, temos o prazer de chamar a atenção para seu trabalho e espírito pioneiros”, afirmou Koley.

Além do Firmina, o Google tem investimentos em outros 15 cabos submarinos, como Dunant, Equiano e Grace Hopper, além de consórcios como Echo, JGA, INDIGO e Havfrue.

Em abril passado, o Tannat, construído pela Google e a Telefónica (controladora da Vivo no Brasil), entrou em operação, ligando o Brasil à Argentina.

Além do Google, o Brasil também participará da construção do cabo submarino Humboldt, a primeira infraestrutura a interligar a América do Sul à Oceania e à Ásia.

Com informações de Google.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários