InícioEconomia e NegóciosLucro da Ericsson cresce 48% no trimestre com maior demanda por equipamentos...

Lucro da Ericsson cresce 48% no trimestre com maior demanda por equipamentos 5G

Parar atender a forte procura, empresa está investindo no fortalecimento do portfólio e de sua presença global.

Fachada da Ericsson.
Fachada da Ericsson.

A Ericsson, empresa sueca de equipamentos para telecomunicação, registrou no primeiro trimestre deste ano um lucro líquido de 3,19 bilhões de coroas suecas, o equivalente a US$ 378,2 milhões.

O valor é 48% maior do que os 2,16 bilhões de coroas suecas registrados no primeiro trimestre do ano passado, graças, principalmente, ao aumento nas vendas de equipamentos para redes 5G.

Esse crescimento das vendas, inclusive, contribuiu para anular as perdas relacionadas ao menor recolhimento de royalties, impulsionando o resultado para acima do esperado pelos analistas que esperavam um lucro líquido de 2,87 bilhões de coroas.

O crescimento das vendas de equipamentos de rede foi de 15%, em base ajustada, e o aumento foi de dois dígitos em todas as regiões, exceto no Oriente Médio e África, onde os impactos da pandemia pesam mais nos investimentos da empresa.


Segundo a própria Ericsson, a empresa segue ganhando participação de mercado, com um grande aumento de pedidos de equipamentos para 5G.

VIU ISSO?

–> Ericsson anuncia seu 100º contrato 5G

–> Consumidor está disposto a pagar mais pelo 5G, diz Ericsson

–> Patente de 5G desenvolvida por brasileiros é registrada pela Ericsson

Além disso, a empresa afirma que as medidas adotadas para a proteção de sua cadeia de suprimentos contribuíram para que a falta mundial de semicondutores não afetasse a sua produção nem as entregas aos clientes.

Segundo o diretor-presidente da Ericsson, Borje Ekholme, existe uma grande demanda global por 5G, com uma movimentação acelerada dos mercados líderes na área.

Sendo assim, a empresa continua investindo no fortalecimento desse portfólio e em sua presença global para conseguir suprir essa forte demanda.

Ericsson

Atualmente, a empresa sueca é considerada um liderança mundial no setor de telecomunicações, sendo responsável por 40% do tráfego móvel do mundo, tendo como suas principais áreas de atuação as tecnologias de automação, segurança digital, Internet das Coisas e conexão 5G.

A Ericsson está presente no Brasil desde 1924, quando foi fundada a Sociedade Ericsson do Brasil Ltda, no Rio de Janeiro.

Com informações de Valor Econômico.

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários