InícioEconomia e NegóciosGoverno autoriza Algar Telecom a emitir R$ 1,5 bilhão em debêntures

Governo autoriza Algar Telecom a emitir R$ 1,5 bilhão em debêntures

Dinheiro será utilizado na expansão e melhorias das redes fixas e móveis da operadora em 16 estados brasileiros, além do distrito federal.

Governo autoriza Algar Telecom a emitir R$ 1,5 bilhão em debêntures

O Ministério das Comunicações (MCom) autorizou a operadora Algar Telecom a emitir R$ 1,5 bilhão em debêntures para financiar projetos de investimento em infraestrutura no setor de telecomunicações.

De acordo com a portaria nº 2.469, publicada nesta segunda-feira, 26 de abril, no Diário Oficial da União, o objetivo é expandir e modernizar redes de comunicação de dados para prover serviços de voz e dados para consumidores, empresas e operadoras.


O dinheiro captado no mercado pela Algar Telecom será investido em várias tecnologias (móveis e fixas) como 3G, 4G, 5G, GPON, MetroEthernet, e Backbone IP/DWDM.

Também é prevista a implantação de redes de transporte, redes de acesso e infraestrutura de rede.

VIU ISSO?

–> Oi anuncia emissão de R$ 2,5 bilhões em debêntures

–> Banco do Brasil vai oferecer internet grátis em 500 municípios

–> MCom libera a emissão de R$ 5,1 bilhões em debêntures pelas operadoras

Ao todo, 16 estados receberão os investimentos, sendo Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santos, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, além do Distrito Federal.

Debêntures são títulos públicos emitidos por empresas para captar dinheiro no mercado de capitais para financiar operações do negócio.

Assim, em vez de solicitar um empréstimo em um banco, a empresa convida investidores a colocar dinheiro em projetos.

Após um prazo prefixado, os investidores recebem juros do valor investido.

A autorização do Governo Federal tem validade de até cinco anos.

Em contrapartida, a Algar Telecom deverá manter o Ministério das Comunicações atualizado com informações sobre as pessoas jurídicas envolvidas com os projetos de infraestrutura, a emissão pública das debêntures, além de relatórios sobre o valor captado.

A pasta tem considerado essas emissões de debêntures para investimentos em infraestrutura como prioritárias.

Além da Algar Telecom, o MCom também aprovou nos últimos meses a emissão de R$ 4 bilhões em debêntures pela Claro e R$ 210 milhões pela MOB Telecom.

A mais recente delas aconteceu na semana passada, para financiar projetos da TIM que somam R$ 5,75 bilhões.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários