TAC da Algar Telecom é aprovado pela Anatel

Operadora trocará o pagamento de multas por investimentos em expansão da cobertura móvel.

Nesta quinta-feira, 26, o conselho diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a Algar Telecom, que prevê a troca de multas por metas de investimentos.

O TAC prevê o investimento mínimo de R$ 33,3 milhões na expansão de redes 4G nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Goiás.

A ideia é que a Algar Telecom leve a conectividade para duas sedes de municípios e nove localidades não-sede. Também é previsto a oferta de cobertura móvel em 22 trechos às margens de rodovias.

A negociação teve início em 2014. No ano passado, a Anatel havia aprovado o TAC da Algar no valor de R$ 76,1 milhões. Entretanto, a operadora desistiu de processos e acabou reduzindo o valor de referência.

VIU ISSO?

–> Lucro da Algar Telecom despenca no terceiro trimestre de 2020

–> ‘Queremos ser a primeira escolha do cliente’, diz Algar Telecom

–> Algar Telecom está na disputa pela Oi Móvel

Diante dessa desistência, o conselho diretor decidiu que nos próximos TACs não haverá a possibilidade de desistência parcial, por conta dos prejuízos causados ao interesse público e à celeridade processual.

Este é o segundo TAC aprovado na história da Anatel. O primeiro ocorreu em junho passado, no qual prevê que a TIM deverá investir R$ 639 milhões em expansão de rede móvel.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários