Leilão da Oi Móvel já tem data definida

TIM, Claro e Vivo mantém prioridade nas negociações para a compra dos ativos móveis da Oi.

A 7ª Vara Empresarial da Comarca da cidade do Rio de Janeiro determinou que o leilão dos ativos móveis da Oi (OIBR3/OIBR4) será realizado no próximo dia 14 de dezembro.

Diante da pandemia da Covid-19, o juiz Fernando Viana decidiu que o leilão da Oi Móvel será feito em ambiente virtual, com as empresas enviando suas ofertas a partir das 14h30 (horário de Brasília).


A Oi Móvel é uma das mais concorridas alienações do novo plano de recuperação da operadora, aprovado em setembro pela Assembleia Geral de Credores (AGC).

Atualmente, o consórcio formado por Vivo (VIT3/VIVT4), TIM (TIMS3) e Claro, possui prioridade nas negociações, depois que a Highline decidiu não rever a sua proposta para a compra de ativos.

VIU ISSO?

–> ‘Impecável’, diz BTG Pactual sobre o plano de reestruturação da Oi

–> Highline entrará na disputa pela InfraCo, da Oi

–> Oi pode lançar serviço de banda larga residencial em São Paulo

O edital do leilão foi publicado nesta quinta-feira, 5, no site da Recuperação Judicial Oi.

A notícia animou o mercado financeiro. Às 16h05 desta sexta-feira, 6, as ações ordinárias da Oi operavam em alta de 3,01%, valendo R$ 1,71. Já as ações preferenciais apresentam alta 3,60%, sendo cotadas a R$ 2,30.

No próximo dia 26 de novembro, já havia sido homologado os leilões das torres e datacenters da Oi.

Com informações de Telesíntese.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários