O que rolou? Netflix e Amazon registram altas históricas na bolsa

Mesmo em um momento de saturação do mercado, com a chegada de gigantes como Disney e Warner, o terreno ainda é fértil para Amazon e Netflix.

Ilustração PxFuel
Imagem: PxFuel

No mercado estrangeiro, empresas como Amazon (BVMF: AMZO34) e Netflix (BVMF: NFLX34) foram as responsáveis por uma alta histórica na última segunda-feira, 06 de julho. A segunda, por exemplo, chegou em US$ 499 e a empresa ficou com um valor de mercado estimado em R$ 219 bilhões.

Para o mercado de streaming, é um momento de saturação. Alguns, inclusive, apostam que a Netflix será severamente afetada quando os serviços Disney+ e HBO Max, comandados pelos gigantes estúdios Disney e Warner Bros., se espalharem globalmente.


Entretanto, a soberania de mercado continua em posse da “pioneira do streaming de vídeo”.

David Miller, analista do veículo Imperial Capital, desacredita de tamanha performance da Netflix na bolsa de valores. Para ele, tudo isso tem um único motivo: o impacto do novo coronavírus.

Enquanto algumas empresas caíram, outras ganhavam uma extrema valorização que pode não se manter, como é o caso da Netflix. Mas, se formos considerar o histórico de êxitos da marca, não há tantos motivos para desacreditar que ela tenha uma boa performance por tudo que ainda representa no mercado.

No caso do Amazon, é ainda mais sólido. A empresa, como já sabemos, não está apenas no streaming e possui uma atuação muito mais expansiva.

VIU ISSO?

–> Netflix disponibiliza novo recurso para os assinantes

–> Amazon Prime Vídeo começa a liberar criação de perfis

–> Procura pelo Amazon Prime Vídeo dispara durante quarentena

As ações da marca ficaram acima de US$ 3 mil, ou seja, ambas tiveram performances recordistas e garantiram um dia histórico as bolsas de Nova York.

E vamos lembrar o quanto isso é importante em cenário de pandemia, já que muitas empresas estão em queda contínua. A imprensa estrangeira destaca que as duas marcas foram responsáveis por um dia de otimismo para o mercado e seus investidores.

Com informações de ECO e Webitcoin

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários