Como TIM, Claro e Vivo vão driblar o CADE na compra da Oi Móvel?

Autarquia já teria manifestado preocupações com a compra conjunta a ser realizada pelas três maiores operadoras brasileiras.

Ilustração
Imagem: PxHere

TIM, Claro e Vivo se uniram na tentativa de compra da Oi Móvel, mas nesse processo, há uma grande barreira derrubada: o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Como as três maiores operadoras do Brasil pretendem lidar com a autarquia?

Segundo informações recentemente publicadas, há uma forte de tendência de aprovação do negócio, caso ele realmente seja concretizado. Mas, o Conselho já teria uma lista de condições a serem impostas para as três.


Entretanto, a grande questão aqui mora na estratégia adotada por TIM, Claro e Vivo. As três, muito provavelmente, já possuem um plano para driblar um possível bloqueio da autarquia.

Até o momento, o desenho estratégico envolve dividir a base de clientes da Oi Móvel por estado. Assim as três terão fatias de mercado semelhantes e não prejudiciais para a competitividade nas telecomunicações brasileiras.

Ao que tudo indica, a união entre as três nasceu após a descoberta da entrada da Algar Telecom nas propostas.

O fortalecimento da operadora regional nas negociações, que conta com o apoio do fundo soberano de Cingapura GIC e o americano Digital Colony, é preocupante para a concorrência.

VIU ISSO?

–> Com vantagem, TIM pode ficar com 50% da Oi Móvel

–> Ações da Oi, Vivo e TIM disparam na Bolsa de Valores

–> Oi recebe nova oferta: R$ 1,07 bilhão pelas torres

Nos próximos meses, vamos descobrir qual companhia leva a melhor na aquisição da Oi Móvel e como os usuários brasileiros serão afetados pela negociação.

Se a Algar Telecom levar a melhor, vamos acompanhar uma boa expansão das operações da operadora pelo Brasil afora.

Com informações de O Globo

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
5 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Reinaldo Silva

Xô oligopólio. Queremos competição e não mesmice

Cidade - UF
Cubatão SP
Thaillen Rodrigues

Isso parece um belo cartel, onde cada uma domina uma parte do país.

Cidade - UF
Sud Menucci/SP
Jefferson Rodrigues

De acordo com o jornal O Globo, TIM, Claro e Vivo ofertaram R$ 18 bilhões pela área móvel. Vamos ver o quanto a Algar ofereceu.

Cidade - UF
Maceió
Fernando Lage

Numa eventual divisão da Oi móvel por estado, seria esperado que as seguintes operadoras assumissem: Claro – MG, PA, PR, SC e SE. Vivo – AL, CE, PB, PE, PI e RN. TIM – AC, AM, AP, BA, DF, ES, GO, MA, MS, MT, RJ, RO, RR, RS, TO e SP Tudo isso considerando que a última colocada no Market share assumiria a Oi em cada estado. Fonte: Teleco Com essa divisão, a Vivo manteria a liderança em SP e grande parte dos Estados, passando a ser líder em todos os estados que assumisse. O único em que ela perderia… Leia mais »

Cidade - UF
Belo Horizonte - MG
Marcelo Ribeiro

O que fica evidente é que caso a tríade Vivo/Claro/Tim adquiram a Oi móvel, será para destruí-la. A Vivo comprou a GVT e fez o quê? A destruiu em benefício próprio. Idem a Claro com Nextel. E a Tim com a Intelig? Também fingiu sinergias e deu em nada. A única venda benéfica ao consumidor seria a Algar ou outra entrante no mercado. Se o trio comprar a Oi móvel, será para a eliminar. E a Oi ao se fazer em pedaços, se condenou. Sua fibra não está bombando nas vendas como ela pensa. A dura realidade é que ela… Leia mais »

Cidade - UF
Novo Hamburgo RS