Como TIM, Claro e Vivo vão driblar o CADE na compra da Oi Móvel?

Autarquia já teria manifestado preocupações com a compra conjunta a ser realizada pelas três maiores operadoras brasileiras.

Ilustração
Imagem: PxHere

TIM, Claro e Vivo se uniram na tentativa de compra da Oi Móvel, mas nesse processo, há uma grande barreira derrubada: o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Como as três maiores operadoras do Brasil pretendem lidar com a autarquia?

Segundo informações recentemente publicadas, há uma forte de tendência de aprovação do negócio, caso ele realmente seja concretizado. Mas, o Conselho já teria uma lista de condições a serem impostas para as três.


Entretanto, a grande questão aqui mora na estratégia adotada por TIM, Claro e Vivo. As três, muito provavelmente, já possuem um plano para driblar um possível bloqueio da autarquia.

Até o momento, o desenho estratégico envolve dividir a base de clientes da Oi Móvel por estado. Assim as três terão fatias de mercado semelhantes e não prejudiciais para a competitividade nas telecomunicações brasileiras.

Ao que tudo indica, a união entre as três nasceu após a descoberta da entrada da Algar Telecom nas propostas.

O fortalecimento da operadora regional nas negociações, que conta com o apoio do fundo soberano de Cingapura GIC e o americano Digital Colony, é preocupante para a concorrência.

VIU ISSO?

–> Com vantagem, TIM pode ficar com 50% da Oi Móvel

–> Ações da Oi, Vivo e TIM disparam na Bolsa de Valores

–> Oi recebe nova oferta: R$ 1,07 bilhão pelas torres

Nos próximos meses, vamos descobrir qual companhia leva a melhor na aquisição da Oi Móvel e como os usuários brasileiros serão afetados pela negociação.

Se a Algar Telecom levar a melhor, vamos acompanhar uma boa expansão das operações da operadora pelo Brasil afora.

Com informações de O Globo

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
0 0 voto
Nota para o redator
Acompanhar esta matéria
Notificação de
5 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários