InícioInternet Banda LargaBanda larga fixa supera número de acessos da telefonia fixa

Banda larga fixa supera número de acessos da telefonia fixa

Fibra óptica teve crescimento de mais de 70% em um período de 12 meses.

Segundo dados do primeiro trimestre deste ano divulgados nesta semana pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), pela primeira vez, o serviço de banda larga fixa superou o número de acessos de telefonia fixa.

Em março deste ano, a Anatel registrou 33,0 milhões de acessos em banda larga fixa contra 32,7 milhões de telefones fixos em serviço.


Em 12 meses, houve um crescimento de 1,2 milhão de acessos (+4,3%) no número de assinantes de internet fixa. Entretanto, na comparação com o mês anterior (fevereiro), o número apresentou decréscimo de 152 mil contratos (-0,5%).

O maior destaque fica por conta da fibra óptica, que apresentou aumento de 70,4% em 12 meses.

A maioria dos estados (19 de 27) apresentaram crescimento na banda larga fixa em relação ao ano anterior, principalmente Rio Grande do Norte (+9,8%), Amazonas (+9,4%) e Rondônia (+9,2%).

Os maiores mercados estão em São Paulo com 10,8 milhões de contratos, seguido de Minas Gerais (3,6 milhões) e Rio de Janeiro (3,4 milhões).

VIU ISSO?

–> Oi confirma lançamento de plano de internet com maior velocidade

–> Rede internacional vai impulsionar internet da TIM

–> Anatel quer 4.883 municípios com fibra até 2023

Quanto a participação das operadoras, a Claro detêm o maior número de assinantes de banda larga fixa, com um total de 9,7 milhões de clientes em março, ou 29,3% do mercado.

Em segundo lugar está a Vivo, com 6,9 milhões (20,8%), seguido da Oi, com 5,0 milhões de clientes e market share de 15,3%.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

2 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários