Anatel quer 4.883 municípios com fibra até 2023

Conheça as estratégias da agência para os próximos anos e entenda o foco na expansão da banda larga.

Ilustração - Fibra Óptica
Imagem: PiqSels

A Anatel atualizou seu plano estratégico para o período 2015-2024 e definiu metas mais objetivas, especialmente para a ampliação da banda larga no Brasil.

Em primeiro lugar, fica estabelecido que a tecnologia deve crescer em um ambiente competitivo e adequado para sua ampliação. O acesso à internet deve passar de 74,68% para 91%, se a meta for cumprida.

A atualização de estratégia da agência está alinhada com o Plano Plurianual da União (PPA) de 2020 a 2023.

Nesse sentido, são sete objetivos para serem concluídos até 2023.

O primeiro prevê uma ampliação de cobertura via fibra óptica para 4.883 municípios. A velocidade média da banda larga contratada também deve saltar de 45 Mbps para 150 Mbps.

A banda larga móvel também não é esquecida. A ideia é elevar o índice de 97,30% para 98,65%.

VIU ISSO?

–> Comparativo: O preço da fibra óptica das operadoras brasileiras

–> Mesmo com pandemia, Oi inaugura fibra óptica em novas cidades

–> Claro aumenta investimentos em fibra ótica

Já na área rural, a agência quer elevar o percentual de residências com banda larga, passar de 44% para 73,04%. O percentual pode ir de 46,80% para 57%.

Em síntese, a Anatel destaca que são metas baseadas em padrões internacionais, assim como no cenário brasileiro, para mensurar resultados e orientar informações imprescindíveis para a tomada de decisões da agência.

Com informações de Anatel

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
4 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários