Anatel admite possibilidade de atraso no 5G

Testes em campo foram suspensos, apenas simulações técnicas em computadores continuam em andamento.

Smartphone com comunicação de internet
Imagem: Pixabay

De fato, houve uma resistência. No início de abril, a Anatel classificou as discussões sobre um possível adiamento do leilão 5G como prematuras, ou seja, muitos entenderam que o cronograma poderia não ser afetado pela pandemia do novo coronavírus.

Agora, o discurso mudou. Leonardo Euler de Morais, presidente da agência, disse que a pandemia trará impactos na cadeia de suprimentos e no próprio calendário dos processos relacionados ao 5G.


O leilão, previsto para março de 2020, foi adiado inicialmente para que houvessem mais estudos sobre uma possível interferência da tecnologia no sinal da TV via satélite.

A negociação ficou para o segundo semestre, mas também haviam possibilidades de realizar apenas em 2021, que ficou mais evidente agora após a eclosão de todos os problemas ocasionados pela COVID-19.

No entanto, o executivo da agência destaca também a grande importância das soluções digitais em momento de crise.

Para ele, no longo prazo, 5G e fibra óptica serão recursos mais estimulados para uma expansão com o aumento da demanda.

VIU ISSO?

–> Oi quer adiamento do leilão 5G

–> Anatel encerra consulta pública para o leilão do 5G

–> Atraso do 5G pode fazer Brasil perder R$ 25 bilhões

Os esforços das operadoras para dar continuidade a expansão da fibra óptica, assim como manter os serviços de banda larga em bom funcionamento durante a pandemia também foram destacados pelo presidente da Anatel, que elogiou.

Com informações de Tilt (UOL)

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários