Oi ganha nova avaliação positiva

Empresa de investimentos segue confiante a respeito da estratégia da operadora, assim como os novos resultados financeiros.

Ilustração - Gráficos
Imagem: PxHere

Com um potencial de valorização em 170%, as ações da Oi (OIBR3 / OIBR4) são recomendadas pelo valor de R$ 1,80. Quem avalia a posição atual da empresa é a Ágora Investimentos, que segue na consideração de que a operadora vive seu melhor momento em anos.

O documento foi enviado logo após a divulgação de que a prestadora poderia lucrar mais de 200 milhões com a venda de imóveis. Até aqui, tudo corre muito bem com o desinvestimento em serviços que não são mais estratégicos e o foco no novo carro-chefe de atuação.


Para a empresa de investimentos, são passos que indicam uma melhora de caixa para a tele, que poderá continuar concentrada nos investimentos para crescer no mercado de fibra óptica.

VIU ISSO?

–> Para focar na fibra, Oi deixa de vender internet por cobre

–> Oi atinge marco histórico na fibra óptica

–> Coronavírus não deve atrapalhar compra da Oi pela TIM

O último relatório feito pelo escritório de advocacia Arnold Wald, administrador da recuperação judicial da prestadora, mostra que o mês de fevereiro foi marcado por uma queima de caixa estimada em R$ 1 bilhão.

No entanto, o saldo final do caixa financeiro cresceu para mais de R$ 5 bilhões com a venda de imóveis e a participação de 25% da operadora na angolana Unitel, além da emissão de debêntures. Uma injeção de capital que gera fôlego para a Oi.

Os resultados da operação via fibra óptica também mostra que o serviço se tornou o novo “grande negócio” da prestadora. De abril até aqui, o salto foi de 200 mil para 1 milhão de clientes.

Com informações de InfoMoney

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de