InícioDefesa do ConsumidorProcon faz acordo que beneficia clientes da Claro TV

Procon faz acordo que beneficia clientes da Claro TV

Após queixa de consumidores, operadora libera canais abertos sem exigir recarga mínima.

Foto: Vitabello/Pixabay

Nesta sexta-feira, 1º, o Procon de Itupeva, no interior de São Paulo, anunciou que fechou um acordo com a Claro para que os assinantes no município do serviço “Claro Livre” tenham acesso aos canais abertos sem a necessidade de fazer uma recarga mínima.

O Claro Livre é plano pré-pago de TV oferecido pela operadora, no qual o consumidor adquire uma antena com receptor digital e contrata pacotes de canais pagos avulsos, por meio de recarga, assim como acontece em planos de telefonia. O preço dos pacotes varia entre R$ 18 e R$ 109, com planos quinzenais e mensais.

Previsto na Lei 12.485/11, os canais abertos são disponibilizados de forma gratuita pelo serviço, sem integrar no valor dos planos. No entanto, para ter acesso a esses canais é preciso realizar recargas. Inicialmente, o serviço Claro Livre foi lançado sem essa exigência, mas com o fim do sinal analógico de TVs, a proposta mudou.

Nos últimos meses, os consumidores itupevenses têm registrado reclamações junto ao Procon do município, exigindo o fim da recarga mínima para a liberação dos canais gratuitamente.

VIU ISSO?

–> Claro é condenada a indenizar consumidor por cobrança indevida

–> Idosa recebe 60 ligações da Claro e ganha indenização de R$ 10 mil

–> Justiça condena Claro por danos morais

Para garantir esse benefício, Viviane do Nascimento, coordenadora do Procon de Itupeva, entrou em contato com a Claro para tentar resolver a solução.

“A promessa inicial se embasava em oferecer os canais de forma gratuita, sem obrigar o fornecimento a qualquer tipo de recarga obrigatória. Mas, a história mudou e a empresa passou a cobrar, por conta disso, precisamos intermediar”, disse Viviane.

Com a negociação, a Claro se comprometeu a liberar os canais abertos, sem a exigência de recarga e de forma vitalícia, para todos os usuários ativos residentes de Itupeva-SP que compraram os produtos Claro Livre até o ano de 2016.

O acordo não deixa claro se o benefício dos canais abertos sem a necessidade de recarga é válido para outros municípios.

O Minha Operadora entrou em contato com a Claro para saber se o benefício será extendido para outros municípios, além de Itupeva. Até a publicação desta matéria, a operadora não respondeu. O texto será atualizado assim que tiver um posicionamento oficial.

Caso o consumidor de Itupeva não tenha o sinal liberado nesta condição, deverá procurar o Procon do município paulista.

Atualmente, a Claro disponibiliza o sinal digital de 21 canais abertos: Band, Canal Comunitário, CNT, Cultura, Globo, Ideal TV, Record, Record News, Rede Brasil, Rede TV, Rede Vida, RIT TV, SBT, TV Aparecida, TV Brasil, TV Brasil 2, TV Câmara, TV Canção Nova, TV Escola, TV Justiça e TV Senado.

Com informações de Prefeitura de Itupeva.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
CONTEUDO RELACIONADO

26 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
26 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários

MAIS POPULARES