Cliente Claro pode fazer empréstimo de até R$ 10 mil

Nova cartada da operadora é disputar o mercado de crédito pessoal.

Ilustração. Roman Synkevych (Unsplash)
Imagem: Roman Synkevych (Unsplash)

Quem estiver com a necessidade de um dinheiro extra, poderá contar com a Claro (BMV: AMXL) a partir de agora, mas precisa ser cliente da operadora. A marca, da mexicana América Móvil, gerou repercussão nos últimos dias ao anunciar sua entrada no mercado de crédito pessoal.

A partir de agora, clientes com crédito pré-aprovado dos planos pós-pagos e controle poderão fazer um empréstimo de até R$ 10 mil com a empresa, em uma operação totalmente simplificada.


O pedido pode ser realizado no aplicativo da Claro. No ato, serão pedidos documentos digitalizados e dados pessoais. Depois, o dinheiro vai direto para a conta do banco que for da preferência do consumidor, no prazo de três dias úteis.

Para pagar, o cliente da operadora terá a opção de parcelar em 36 vezes, com taxas a partir de 2,85% ao mês. O débito também poderá ser feito a partir da própria fatura do celular.

VIU ISSO?

–> Procon determina abertura de canais abertos na Claro TV

–> Telefónica Vivo se une à AT&T para combater dona da Claro

–> Claro aumenta investimentos em fibra ótica

A nova empreitada da operadora começa em parceria com o banco mexicano Inbursa, comandado pelo dono da Claro, o bilionário mexicano Carlos Slim. Os lucros serão compartilhados entre as duas empresas.

Trata-se de uma diversificação do portfólio. Todas as operadoras se movimentam para oferecer novos tipos de serviços aos clientes e não ficarem limitadas com telefonia e internet móvel.

É uma cartada inédita da Claro no mercado brasileiro, uma tentativa de ampliar o faturamento que está praticamente estagnado no mercado global de telecomunicações. A perda constante da prestadora é na telefonia fixa e TV por assinatura.

Com informações de ESTADÃO

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários