Chevrolet pretende dar 1 ano de Wi-Fi grátis a afetados por recall

Ação será um pedido de desculpas da montadora pelo transtorno envolvendo risco de incêndio do sedã mais vendido no país.

Foto: Chevrolet/Divulgação

Após um caso registrado de carro pegando fogo no Piauí, a Chevrolet suspendeu as vendas e convocou o recall de todas as unidades vendidas do veículo Onix Plus. Lançado em setembro, o modelo se tornou o sedã mais vendido no Brasil em outubro, com mais de 7 mil emplacamentos.

De acordo com a marca, 99% dos compradores já foram contatados e 80% já foram reparados. O problema é um defeito no software de calibração do motor do carro. Com o aumento da pressão e temperatura, em determinadas condições, o pistão pode sofrer danos e provocar a quebra do bloco do motor. Caso ocorra vazamento de óleo em partes quentes, existe a possibilidade de incêndio.


Como pedido de desculpas, a montadora está pretendendo enviar nos próximos dias uma correspondência aos proprietários oferecendo um ano de Wi-Fi a bordo grátis.

A partir de uma parceria com a operadora Claro, todos os veículos a partir da versão intermediária Turbo LT (R$ 61.190) já vinham equipados com um plano mensal de 3GB de internet a bordo, com 3 meses grátis.

VIU ISSO?

–> Chevrolet Cruze vem com 4G da Claro, mas testes não impressionam

–> VivoCar já está disponível para clientes

–> Novo caminhão da Mercedes-Benz terá conectividade da Vivo

Atualmente, são oferecidos 4 planos de internet para o Onix Plus: 2 GB por R$ 29,90, 5 GB por R$ 39,90, 10 GB por R$ 59,90 e 20 GB por R$ 84,90. O Wi-Fi pode ser compartilhado simultaneamente com até sete aparelhos.

As unidades com problemas foram fabricadas entre 29 de abril e 6 de novembro. Os chassis vão de LG100091 a LG139164. O reparo dura cerca de 30 minutos.

Com informações de G1.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

1
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Júnior Anchieta
Colaborador

Bacana. Mas se a internet fosse da Oi você compraria uma bomba e levaria outra bomba por mais um ano.

Cidade - UF
Parnamirim/RN