Conexão da Oi atende 95 mil pessoas na Game XP

Rede da Oi registrou um tráfego total de 31,85 terabytes, o que equivale a mais de 10.600 horas de streaming de vídeo.

Palco da Game XP. Foto: Renata Mello
Imagem: Renata Mello / Divulgação Oi

Terminou no último domingo mais uma edição da Game XP, um dos maiores eventos de game da América Latina. Nela, a Oi se destacou como patrocinadora master e prestadora de serviços de Telecom, TI e segurança.

No saldo final, a operadora comemora 100% de disponibilidade de serviço durante os quatro dias do evento, com 1.774.945 conexões no Wi-Fi público disponibilizado para visitantes.


O público do Game Park, estimado em 95 mil pessoas, fez com que a empresa batesse o recorde de conexões e superasse em 70% os índices obtidos em 2018, quando registraram 1.039.460 acessos.

As conexões simultâneas também bateram recordes. No dia 27 de julho, sábado, 4.365 equipamentos estiveram conectados à rede da operadora ao mesmo tempo. O número é maior do que o obtido em 2018, 3.913.

VIU ISSO?
– Conexões Oi na Game XP batem recorde e ultrapassam tráfego da Copa
– Por dentro da Game XP 2019; Conheça as ativações da Oi
– Oi apresenta conectividade 5G na Game XP

No tráfego total de dados, a Oi atingiu 31,85 terabytes. O número equivale a mais de 10.600 horas no streaming de vídeos, 1.592.000 horas em games de futebol ou 796.000 horas em jogos de guerra.

“Conseguimos manter nosso padrão de oferecer os serviços sem interrupção, com 100% de disponibilidade. E o perfil de consumo de dados dos visitantes do evento mostrou a importância do nosso serviço, já que nesse ano o tráfego de dados por dispositivo conectado ao Oi WiFi foi 55% maior que o da Game XP do ano passado”, comemora José Claudio Gonçalves, diretor de Operações da Oi.

NOC. Imagem: Renata Mello / Divulgação Oi

Na operação, a companhia disponibilizou para o evento links de dados com alta capacidade (12 Gbps), 26 km de fibra ótica, antenas com reforço para cobertura móvel 3G e 4G, além do Wi-Fi gratuito aos visitantes, com capacidade para 300 mil conexões simultâneas.

Por meio da futurística NOC (Network Operation Center), já apresentada aqui no Minha Operadora, a companhia monitorou ininterruptamente a rede e todas as soluções oferecidas para que tudo tivesse segurança e alta qualidade.

Dentro da grande estrutura montada pela empresa no evento, foi possível analisar e executar demandas personalizadas para o evento, como o controle de tempo das filas, disponibilidade dos banheiros e outros recursos.

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

2
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
2 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
2 Autores de comentários
Rogério PiresRoberto Autores recentes de comentários
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Roberto Ramos
Colaborador
Roberto Ramos

A Oi só presta pra fazer eventos mesmo.
Enquanto comemora a vitória do evento, comemoram a derrota da rede móvel espalhada pelo Brasil.

É osso…

Rogerio Pires
Colaborador
Rogerio Pires

Óbvio que um evento desta magnitude é uma vitrine para qualquer operadora e tudo tem que “dar certo”, custe o que custar, até mesmo para uma empresa em Recuperação Judicial como a Oi. A questão é que, o Brasil não se resume ao Rio de Janeiro! Quando ligo para telefones celulares da Oi aqui em MG, é um suplício tentar entender o que o outro fala… rede precária!