terça-feira, 2 de outubro de 2018

Fabricantes, especialistas e Anatel se reúnem em Fórum nesta terça

O que você achou? 
22º Fórum de Certificação para Produtos de Telecomunicações leva debates sobre 5G, IoT e produtos certificados para usar serviços de telecom.


Nesta terça-feira (2), das 9h às 17h30, acontece a 22ª edição do Fórum de Certificação para Produtos de Telecomunicações.

O evento acontece no auditório do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD) em Campinas, São Paulo, e debate questões como a tecnologia 5G, a internet das coisas (IoT), indústria 4.0 e a incorporação das telecomunicações em fábricas inteligentes, e o tópico principal, relacionado aos produtos que podemos utilizar para usar as redes de telecom.



Neste tópico, a grande questão é abordar e entender as futuras regras de avaliação da conformidade e homologação de produtos que devem ser seguidas pela Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel.

Fabricantes, laboratórios, órgãos de certificação e especialistas na área de telecomunicações estarão presentes no fórum para discutir os temas relacionados à certificação e autorização de uso para esses produtos.

LEIA TAMBÉM:

Quem abre o evento é o presidente da Anatel, Juarez Quadros, além do superintendente de Outorga e Recursos à Prestação da agência reguladora, Vitor Elisio Menezes, e o Gerente de Certificação e Numeração da Agência, Davison Gonzaga. O CPqD será representado na abertura pelo presidente Sebastião Sahão.

De acordo com a Anatel, os processos de certificação e de homologação regulamentados pela agência são o que garantem ao consumidor a compra e o uso de equipamentos de telecomunicações seguros e de qualidade, sejam eles telefones fixos, celulares, modens ou roteadores.

Para saber se o seu aparelho é certificado, a agência disponibiliza a página “Celular Legal”. Há algum tempo, a Anatel também vem fazendo alguns bloqueios de celulares irregulares, que deixam de funcionar com chips das operadoras de telefonia. Até março de 2019, todos os estados do Brasil farão parte do projeto.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao deixar a sua opinião no Minha Operadora você concorda em respeitar o nosso Código de Conduta.