Brasil: 14% das dívidas em atraso são de telefonia, TV e internet

62 milhões de pessoas acabaram inadimplentes no Brasil no 1º trimestre de 2018; 8 milhões têm nome sujo por não pagarem as operadoras.

Os brasileiros estão cada dia devendo mais, pelo menos é o que mostraram os recentes dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). De janeiro a março de 2018, 62,1 milhões de pessoas fecharam o trimestre com o nome sujo.

Os consumidores inadimplentes no Brasil cresceram 3,13% em março. E entre os serviços que mais endividaram? Telefonia, TV por assinatura e internet.



As telecomunicações só aparecem atrás dos bancos e das instituições financeiras, que concentram 51% das dívidas em atraso dos brasileiros, e do comércio, que tem 18%.
LEIA TAMBÉM:
No caso das operadoras de TV paga, internet e telefonia, o número de dívidas em atraso é de 14%. São mais de 8 milhões de pessoas inscritas nos cadastros de inadimplentes pelas empresas de telecom.
De acordo com o levantamento divulgado nesta semana, os brasileiros que mais estão inadimplentes têm entre 30 e 39 anos. 
Quanto à região com maior número de pessoas negativadas está a Sudeste do Brasil, com 26,94 milhões de brasileiros. Em seguida vem o Nordeste, Sul, Norte e Centro-Oeste.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários