quinta-feira, 12 de abril de 2018

ESPN também passa a transmitir conteúdo fora da TV paga

O que você achou? 
Grupo de canais esportivo fez igual a FOX e agora oferece o ESPN Play por R$ 12,90.

Logo depois da FOX lançar seu streaming próprio, a ESPN acaba de fechar uma parceria com o UOL e passa a transmitir os conteúdos de seus canais através da assinatura do chamado ESPN Play. Nesse caso, sem qualquer tipo de vínculo com as operadoras de TV por assinatura.

O serviço custa R$ 12,90 por mês e deve ser contratado pelo UOL Esporte Clube, uma plataforma do portal que também conta com o Esporte Interativo Plus. Entre os destaques do conteúdo estão campeonatos de futebol europeu, futebol americano (NFL), basquete (NBA), entre outros.


“Com essa nova parceria, nos unimos a um dos principais grupos de comunicação do Brasil e ampliamos as possibilidades de entrega do extenso e variado portfólio de conteúdo da ESPN. Temos como missão atender ao fã do esporte e este acordo com o UOL nos aproxima também deste público”, disse o vice-presidente de Afiliadas da Disney e ESPN, Marcello Zeni.

Isso significa que os fãs de esporte – que geralmente contratam um pacote de TV completo para assistir aos jogos – agora têm outras alternativas para ver os campeonatos, além das programações favoritas da ESPN, do EI e também do FOX Sports.

No caso desta última, como divulgamos anteriormente, o valor é de R$ 34,90 por mês, mas dá direito aos 11 canais do grupo, ou seja: Fox, FX, Fox Life, Fox Premium 1, Fox Premium 2, Fox Sports, Fox Sports 2, Nat Geo, Nat Geo Wild, Nat Geo Kids e Baby TV.

Vale lembrar que todos os jogos da Copa do Mundo serão transmitidos ao vivo na plataforma, que pode ser acessada tanto por uma Smart TV, quanto pelo tablet, notebook ou celular.

LEIA TAMBÉM:

A ESPN até chegou a lançar um serviço de streaming próprio, que seria o ESPN+, mas ele não veio para o Brasil.

Desde 2017 - ou melhor, desde o lançamento da Netflix -, temos visto a expansão desse tipo de serviço, que acaba sendo uma alternativa para o antigo assinante de TV paga, que muitas vezes, atualmente, abre mão do pacote para contratar um streaming que dialogue com seu perfil.

Acontece que, se cada grupo de canais lançar o seu próprio – assim como fez também a HBO – aqueles que gostam de variar no conteúdo também podem acabar pagando caro para acessar todos nesse estilo. A Disney e até o SBT podem lançar serviços semelhantes daqui a um tempo. 

Veja abaixo alguns serviços que já foram lançados no Brasil e quais os valores mensais de cada um:


Se você contratasse todos esses serviços à parte, ficaria um total de R$ 117,50 por mês. Há os benefícios, claro, como o acesso aos conteúdos por dispositivos móveis e, em alguns casos, por mais de uma pessoa simultaneamente.

Mas, dependendo dos próximos lançamentos e do consumo de sua família, você deverá analisar melhor o seu perfil e colocar tudo no papel, antes de decidir cancelar com a operadora de TV e definir qual de fato será a melhor escolha.


4 comentários:

  1. Quem não quiser os pacotes ridículos da TV paga , agora tem pacotes individuais , se assina o que realmente gosta . Vai quebrar a TV paga .

    ResponderExcluir
  2. Agora só falta o ESPORTV da Globo fazer o mesmo 😅😅😅😅

    ResponderExcluir
  3. TV paga tem 500 canais que ninguém vê só paga e paga caro. Agora sim vale a pena assinar estes planos e cair fora dos sanguessugas das TV pagas.

    ResponderExcluir