30/05/2024

Relatório aponta as empresas com o maior volume de tráfego global de internet

Redes móveis são responsáveis por 11 EB dos 33 exabytes por dia do volume de tráfego global registrado pela GIPR; veja o relatório.

A Global Internet Phenomena Report (GIPR), da Sandvine, divulgou um relatório sobre o tráfego global de internet, onde reporta um volume global de 33 exabytes por dia e um volume por assinante de 4,2 GB por dia nas 6,4 bilhões de conexões móveis e 1,4 bilhão de conexões fixas do mundo. Somente as redes móveis são responsáveis por 11 EB do volume de tráfego.

O levantamento aponta que 69% do tráfego móvel e 66% do fixo em todo o mundo é gerado pelo consumo dos conteúdos da Meta, Apple, Microsoft, Amazon, Alphabet (Google) e Netflix. O relatório também destaca a presença do TikTok e da Disney+ que chegam a gerar tráfego o suficiente para aparecerem entre os oito primeiros da tabela de principais marcas.

As redes sociais são os aplicativos em rede móveis que mais usam tráfego downstream na internet, com 35%, e sete dos dez principais apps como Facebook, TikTok, Instagram, Snapchat, WhatsApp, Telegram e X. Enquanto que no tráfego upstream no celular, a mídia social continua sendo a maior distribuidora, mas maior parte do compartimento e postagem de vídeo são do TikTok e Facebook Messenger.

O Youtube é o app com maior volume de tráfego de internet em downstream (21% do total), seguido por Facebook (18%) e TikTok (15%). O ranking segue com Instagram e Snapchat (ambos com 7%), Netflix, Disney+ e WhatsApp (2%), Telegram (1%) e X (1%). Em upstream, a aplicação que mais gera volume de tráfego é o TikTok empatado com o Facebook Messenger (ambos com 8%). Na sequência, estão Snapchat e Amazon AWS (6%), YouTube, Facebook e iCloud (5%), além de Google e WhatsApp (4%) e Instagram (3%).

Imagem: Global Internet Phenomena Report

Como as plataformas de vídeo marcam presença predominante no levianamente, é esperado que o vídeo seja o maior responsável pelo volume de tráfego downstream nas redes fixas e móveis (38%), com um volume total médio de 15,7 GB por assinantes por dia, nas categorias de aplicativos. No móvel, o volume total é de 31%, com 493 MB por assinante por dia, enquanto que a rede fixa, vídeo representa 39%, com 5,7 GB por assinante por dia.

O streaming sob demanda é o que mais gera tráfego, correspondendo a um volume de 7,9 GB por dia, o que representa 54% do total de downstream. Nesse quesito, o YouTube (1,9 GB por inscrito) ganha da Netflix (1,4 GB por inscrito por dia). O levantamento aponta que na rede móvel, o tráfego de vídeos vem das redes sociais, como Facebook e TikTok, enquanto que na rede fixa, é do YouTube e Netflix.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários