Netflix escolhe Microsoft para oferecer plano com anúncios

Embora esteja em ‘dias muito iniciais', em breve, os assinantes da plataforma terão a opção de assinar um plano com um preço mais acessível.

Em breve, os assinantes da Netflix poderão ter a opção de assinatura de um plano mais barato suportado por anúncios publicitários. Acontece que nesta quarta-feira (13), o serviço de streaming anunciou que fez acordo com a Microsoft, que será sua parceira de vendas e tecnologia para um novo plano de assinatura.

Essa nova assinatura contará com anúncios e terá um valor mais acessível para os consumidores. Greg Peters, chief operating officer (CCO) da Netflix, afirmou que a Microsoft será como a “parceira de vendas publicitárias e tecnologia global” da companhia.

Embora seja animador, em nota, Peters afirmou que a mudança está em “dias muito iniciais” e que ainda há muito trabalho pela frente, pois se trata de introduzir uma alteração para os seus 221,6 milhões de assinantes em todo o mundo. “Estamos empolgados em trabalhar com a Microsoft, enquanto damos vida a esse novo serviço”.

“É muito cedo e temos muito o que trabalhar. Mas nosso objetivo de longo prazo é claro. Mais opções para os consumidores e uma experiência de marca de TV premium e melhor do que linear para os anunciantes”, disse o COO da Netflix.

O lançamento da camada de anúncios ainda não foi oficialmente anunciado, mas segundo informou o New York Times em maio, a Netflix disse aos funcionários que o novo plano pode chegar até o final deste ano.

Essa mudança na Netflix será feita pela unidade de vendas de anúncios da Microsoft. Greg Peters afirmou que “a Microsoft ofereceu flexibilidade para inovar” em tecnologia e vendas, além de prometer fortes proteções de privacidade para membros da Netflix.

Essas ações fazem parte da estratégia da Netflix de reverter o cenário atual da empresa que tem estado em uma montanha de perder e recuperar as assinantes, muita vezes por causa do cancelamento de séries e pelo o valor elevado da assinatura.

Em abril, a plataforma sofreu com a perda de 200 mil clientes no primeiro trimestre deste ano, com a estimativa de perder mais 2 milhões no segundo, embora tenha recuperado um pouco a sua base de assinantes depois da estreia da quarta temporada da série Stranger Things.

Inclusive, as ações da empresa foram afetadas, onde houve um declínio nos papéis, assustando os investidores quanto ao futuro da Netflix e quanto ao negócio em geral dos streamings.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x