Prefixo 0303 pode prejudicar atendentes de telemarketing e clientes

Presidente da Feninfra explica por que medida pode ser ruim.

Desde o dia 10 de março, o novo prefixo de telefonia 0303 para as chamadas de telemarketing já está funcionando no Brasil. As ligações feitas para os consumidores com o intuito de oferecer produtos e serviços deverão vir com a numeração à frente identificando a chamada.

Foto: Reprodução Internet

De acordo com a presidente da Federação Nacional de Call Center, Instalação e Manutenção de Infraestrutura de Redes de Telecomunicações e de Informática (Feninfra), Vivien Mello Suruagy, o novo prefixo pode vir a prejudicar as empresas de telemarketing, os atendentes e até os clientes. 

“A Anatel tem um objetivo correto, já que pretende disciplinar o serviço, mas pode gerar uma séria crise nas empresas do setor, caso o trabalho dos atendentes de telemarketing se torne inviável com a recusa dos clientes em atender as chamadas”, começou dizendo Suruagy.

“Em contrapartida, há o risco de chamadas importantes serem rejeitadas previamente, sem levar em conta a importância do teor, gerando um prejuízo imenso aos próprios usuários” completou.

Além disso, a presidente ressaltou que a ligação da empresa pode ser de interesse do cliente, como uma proposta de renegociação financeira, por exemplo.

“O que não pode acontecer é uma ação indiscriminada, em que o grande prejudicado será o consumidor”, alertou.

Suruagy disse ainda que uma crise no setor poderia causar a demissão de muitos funcionários. “O Brasil precisa gerar empregos, sobretudo em setores que usam mão-de-obra intensiva. É preciso encontrar soluções que não piorem a questão do desemprego no País”, destacou.

O sistema de números brasileiro é controlado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Dessa forma, regulações como uma empresa ou um call center que quiser registrar um número especial, como 0800 ou 0303 para telemarketing ativo, precisa solicitar ao órgão. A agência libera a numeração para o usuário, que pedirá o serviço telefônico a uma das operadoras. De acordo com informações da Conexis, ainda não há solicitações aprovadas e informadas às teles para o novo sistema.

O uso do prefixo vale para todos os setores que usam telemarketing ativo que fazem ligações com ofertas de produtos e serviços, sendo que chamadas de cobranças, informativas, alertas técnicos e congêneres continuam permitidas. Além disso, caberá a esses setores se adequarem por conta própria o novo sistema.

A Anatel também prevê o bloqueio de números com prefixo 0303 que realizam chamadas indesejadas. Marco Ferrari afirma que, inicialmente, será realizado por meio do Não Me Perturbe, onde as empresas que tiverem aderido à plataforma não poderão fazer ligações para o cliente que tiver cadastro no serviço. No entanto, segundo o executivo, ainda não estará disponível recurso de bloqueio por empresa ou número específico pelo usuário, pois ainda será definido.

SourceTeletime
Carolina Veneroso
Carolina Veneroso
Jornalista, formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atua como repórter, redatora e com produção de conteúdo há 5 anos. Apaixonada por entrevistar e conhecer pessoas e novas histórias.

7 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
7 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
7
0
O que você acha? Comente!x