Claro, Instagram e Banco Digital apresentam problemas graves de segurança

Especialista em segurança, Jorge Lordello, foi vítima de golpistas, devido a fragilidade de segurança cibernética das empresas; entenda.

De acordo com o especialista em segurança Jorge Lordello e alguns clientes da Claro, a operadora de telefonia, assim como o Instagram e os bancos digitais estão enfrentando um problema grave de segurança cibernética.

De forma resumida, o que está acontecendo é que os golpistas estão conseguindo obter um novo número telefônico (chip) da Claro e de nome de uma pessoa, sendo que eles fecham a conta da vítima ou simplesmente fazem a portabilidade. Depois disso, eles assumem a conta no Instagram dessa pessoa e passa a comercializar produtos, fazendo negociação através de Pix cadastrado em nome conta bancária digital criada com o mesmo nome da vítima.

Na quinta-feira (3), Lordello se deparou com uma situação por causa da fragilidade da segurança cibernética, ou a falta dela, onde ele foi vítima. Na tarde desse dia, a caminho da academia, o especialista tentou fazer uma ligação e percebeu que sua linha estava inoperante.

Então, ele foi até uma loja da Claro , onde uma atendente informou que sua conta tinha sofrido uma tentativa de invasão por golpista, e por isso, a operadora decidiu bloqueá-la. Para resolver a situação, Lordello teve que apresentar documentos pessoais (RG ou CPF) e um comprovante de residência, que ele teve que ir buscar em casa, para ter sua questão resolvida.

No entanto, esse não seria seu único problema. Após resolver seu caso na Claro, Lordello, diversas pessoas começaram a informá-lo pelo WhatsApp que seu perfil no Instagram tinha sido hackeado. Após tentar entrar em sua conta e não conseguir, ele constatou o “crime”.

LEIA TAMBÉM:

–> Claro é condenada a indenizar cliente que teve dados usados por criminosos

–> Vivo promove websérie sobre ‘Segurança e Bem-Estar Digital’

–> Vivo e WhatsApp criam campanha para orientar usuários sobre segurança digital

O especialista entrou em outro perfil que possui na rede social, e constatou que sua conta tinha sido invadida. Daí ele confirmou que criminosos invadiram aquele perfil e alteraram as configurações de número de celular e e-mail. Lordello tentou diversas vezes e sem sucesso contato com o Instagram, após muita insistência conseguiu fazer uma queixa através de vídeo, “eles abrem uma câmera, pedem para você se posicionar, olhando pra cima, pra baixo e pro lado”. Procedimento usado pelo Instagram para reconhecimento baseados nas fotos que o usuário possui na rede social.

Além disso, os golpistas estavam comercializando produtos no perfil do Instagram hackeado e conversando diretamente com os clientes. O pior era que criaram uma conta no banco digital Dotz com seu nome, usando de seus dados pessoais (nome e CPF), dando maior credibilidade no golpe.

Naquele mesmo dia, o especialista em segurança registrou dois boletins de ocorrência junto a Polícia Civil, um sobre a invasão da conta no Instagram e outro sobre a linha telefônica e conta no banco Dtoz.

A rede social ao procedimento de reconhecimento feito por Lordello, mas afirmou que não condizem com as existentes no perfil, então ele enviou um email de resposta para o Instagram, anexando os boletins de ocorrência e documentos digitalizados. A partir daí, ele conseguiu sua conta de volta, inclusive teve que deletar todo o conteúdo criado pelos golpistas.

Segundo Lordello, “é impressionante o quanto a Claro, o Instagram e o banco digital Dotz conseguem ser ludibriados com tanta facilidade”. Além da falta de consideração por parte da rede social, que mesmo após diversas denúncias manteve a conta em atividade, Lordello questiona quais ações o Banco Central toma para proteger a população diante da falha na segurança cibernética que as agências bancárias digitais parecem apresentar.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore. E-mail para contato: [email protected]

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
1
0
O que você acha? Comente!x