InícioTelefonia CelularTelefonia Móvel cresceu 0,2% entre setembro e outubro, segundo Anatel

Telefonia Móvel cresceu 0,2% entre setembro e outubro, segundo Anatel

Anualmente, o Nordeste apresentou o maior crescimento entre outubro de 2020 a outubro de 2021, um aumento de 15,1% de usuários.

De acordo com dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), os acessos de telefonia móvel tiveram um aumento de 0,2% em um mês (setembro a outubro de 2021). Em um ano (outubro de 2020 a outubro de 2021), o número de clientes teve um crescimento de 8,6%.

Em outubro, a telefonia móvel contabilizou mais de 250 milhões clientes, sendo que as regiões Sul e Norte apresentaram o maior crescimento em apenas um mês, 3,8% e 2,5%, respectivamente. Enquanto que a região que menos cresceu foi o Sudeste, que apresentou saldo negativo, onde teve uma perda de 1,5% de clientes. A região Centro-Oeste e Nordeste também apresentaram crescimento entre outubro e setembro, 1,0% e 0,7%, respectivamente.

Quando se trata do crescimento anual, o Nordeste apresenta o maior crescimento entre outubro de 2020 a outubro de 2021. A região aumentou os acessos em 15,1%, seguido do Norte com 10,3%. O Sul foi o terceiro com maior crescimento, obtendo um aumento de clientes em 9,4%, seguida do Centro-Oeste com 8,3% e Sudeste com 5,4%.

Anualmente, a região que assume a liderança em maior densidade de telefonia móvel é o Nordeste com 13,0%, enquanto que o Sul assume a segunda posição com 7,2%, seguido do Centro-Oeste com 6,8%, Norte com 6,0% e Sudeste com 5,4%. Entre o mês de setembro e outubro, o Centro-Oeste apresentou um leve aumento em 1,6%, seguida do Nordeste (0,9%), Norte (0,9%), Sul (0,5%) e Sudeste (0,1).


LEIA TAMBÉM:

–> Telefonia fixa teve queda de 4,1% de linhas ativas em um ano

–> Telefonia móvel cresceu 0,4% entre agosto e setembro, segundo Anatel

–> Brasil terá nova operadora de telefonia móvel; saiba qual será

Outro ponto importante que pode ser observado no relatório da Anatel é o crescimento que a tecnologia 4G tem apresentado em referência ao 1G, 2G e 3G.

Confira o gráfico:

Fonte: Anatel

Outro aspecto que o relatório também aponta é o crescimento que a modalidade de pagamento pós-pago, que tem crescido desde 2018, enquanto que o pré-pago tem caído, se recuperando a partir de 2020. Em 2020, o pós chegou a ultrapassar o pré em acessos à telefonia móvel.

Confira o gráfico:

pre-pos-pago-grafico-anatel
Fonte: Anatel
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários