InícioEconomia e NegóciosMark Zuckerberg tem planos de mudar o nome do Facebook

Mark Zuckerberg tem planos de mudar o nome do Facebook

Empresa Facebook, fundada pelo bilionário Mark Zuckerberg, pode ter seu nome alterado nos próximos dias; saiba detalhes da mudança.

O Facebook pode passar por uma grande mudança ainda este ano. De acordo com o site The Verge, Mark Zuckerberg tem planos de mudar o nome da empresa para Horizon Worlds ou algo similar.

A nomenclatura da rede social não terá alteração, sendo que a mudança deve ser feita apenas no nome da empresa-mãe, que é a gigante dona de redes sociais como Instagram e WhatsApp.

De acordo com o site, essa mudança teria o objetivo de fazer com que o Facebook seja reconhecido como uma empresa com múltiplas soluções tecnológicas além das mídias sociais, uma vez que a companhia tem um forte setor de desenvolvimento de IA (Inteligência Artificial), robótica e RA (Realidade Aumentada).

Em julho deste ano, Mark Zuckerberg teria dito ao site que tem planos de transformar o Facebook em uma “empresa metaverso” nos próximos cinco anos. Metaverso se trata de um espaço coletivo e virtual compartilhado, voltado para as pessoas explorarem o mundo virtual.


LEIA TAMBÉM:

–> Mark Zuckerberg vê sua fortuna encolher 6 bilhões de dólares

–> Mark Zuckerberg recupera metade da fortuna perdida no início da semana

–> Falha que causou queda do Facebook, WhatsApp e Instagram é revelada

No mesmo mês, uma equipe de criação de produtos foi contratada para trabalhar na construção do metaverso, onde teve participação do Reality Labs, uma subsidiária responsável pelos produtos de Realidade Virtual.

Ainda não há maiores detalhes sobre os planos de Mark Zuckerberg, mas é esperado que o assunto seja mais detalhado durante a conferência anual do Facebook, que deverá ocorrer em 28 de outubro.

Vale ressaltar que o Facebook não fez nenhum tipo de comentário oficial sobre o assunto, sendo que tudo isso se trata de especulação sobre o futuro da empresa.

No entanto, a expectativa para que esse rumores se concretizem é grande, já que uma movimentação similar já aconteceu com o mercado da web em 2015. Na época, o Google criou a Alphabet, uma empresa de capital aberto, para administrar suas empresas subsidiárias.

A diferença é que o Google tem uma atuação maior do que o Facebook, já que se envolve em outros segmentos, como sistemas operacionais, software e dispositivos/gadgets.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários