InícioInternet Banda LargaGoverno libera Wi-Fi grátis, mas obriga propaganda pró-Bolsonaro

Governo libera Wi-Fi grátis, mas obriga propaganda pró-Bolsonaro

Estudantes e moradores só conseguem acesso ao serviço mediante a reprodução de uma peça publicitária com ações do presidente.

Presidente Jair Bolsonaro. Imagem: Flickr Palácio do Planalto
Presidente Jair Bolsonaro. Imagem: Flickr Palácio do Planalto

Sob responsabilidade do Ministério das Comunicações, o projeto Conecta Brasil começou suas operações pelo programa Wi-Fi Brasil, ou seja, moradores e estudante de regiões com dificuldades de acesso já contam com internet grátis. Mas, todos são obrigados a reproduziram uma campanha de 30 segundos com programas sociais do governo do presidente Jair Bolsonaro.

Ao menos é o que foi registrado no povoado de Sete Lagoas. O único aplicativo que roda sem exibir anúncio é o WhatsApp. Fora ele, qualquer outro serviço conta com a peça pró-Bolsonaro. A exibição é uma obrigatoriedade estabelecida no projeto.


Por sinal, maior parte da verba do Conecta Brasil é destinada ao Norte e Nordeste, regiões em que o presidente teve baixo ou médio desempenho nas eleições de 2018. O projeto visa atender regiões que ainda vivem uma realidade muito distante da que é presenciada nas capitais.

Em Sete Lagoas, por exemplo, a comunicação por cartas ainda estava em vigência, desde que uma ventania derrubou a torre que enviava sinal de rede. Alunos eram obrigados a percorrer distâncias e acessar fazendas da região, caso quisessem utilizar internet, mas ainda assim, alguns sequer tinham condições.

VEJA TAMBÉM:

–> Bolsonaro condecora Fábio Faria com medalha Oswaldo Cruz

–> Jair Bolsonaro altera Marco Civil da internet; entenda o que muda

–> Bolsonaro aciona STF para barrar lei que leva internet para estudantes

O orçamento do Conecta Brasil é de R$ 2,7 bilhões e já viabiliza conexão de internet para 26 milhões de brasileiros. Do valor disponibilizado, 91% será dedicado ao Norte e Nordeste.

Na propaganda que é exibida para os consumidores do Wi-Fi grátis, o conteúdo elenca diversas ações como pagamento do 13º salário do Bolsa Família e até mesmo a instalação de internet nas escolas.

Em discurso, Fábio Faria destacou o objetivo de tornar a internet pública no Nordeste, uma fonte alternativa de informações “às notícias contra o presidente”.

Com informações de Estadão

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop. E-mail: [email protected]

14 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
14 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários