InícioEconomia e NegóciosDois executivos deixam a diretoria da Oi

Dois executivos deixam a diretoria da Oi

Diretores foram figuras importantes no processo de recuperação judicial da operadora.

Dois executivos deixam a diretoria da Oi

A Oi (OIBR3/OIBR4) anunciou alterações organizacionais na diretoria estatutária da companhia, após a saída de dois executivos da empresa que estavam ligados ao processo de recuperação judicial da operadora. A novidade foi divulgada em fato relevante na noite desta segunda-feira, 30 de agosto.

O primeiro desligamento foi a de Camille Loyo Faria, que deixou os cargos de diretora de finanças e de relações com investidores. Segundo a operadora, ela desempenhou papel importante na negociação, elaboração e aprovação do novo aditamento ao plano de recuperação judicial, na realização e conclusão dos processos de venda de ativos, além de operações financeiras de captação de recursos.

Além da Camille, também está deixando a companhia Bernardo Kos Winik, e consequentemente as funções de diretor de clientes e diretor estatutário sem designação específica. A Oi afirma que ele contribuiu durante vários anos na operação comercial e de atendimento da empresa.

“A Companhia expressa seu agradecimento à Sra. Camille Loyo Faria e ao Sr. Bernardo Kos Winik por sua dedicação e entrega, reconhecendo as contribuições e resultados significativos atingidos neste período, em particular quanto ao cumprimento de relevantes etapas na transformação da Companhia, permitindo que a mesma possa seguir de maneira bem-sucedida com seu plano estratégico”, afirmou a Oi em fato relevante.

VEJA TAMBÉM:

–> Após anúncio de investimentos, ações da Oi disparam na Bolsa de Valores

–> Idec quer acompanhar de perto a análise da venda da Oi Móvel pela Anatel

–> Oi Fibra atinge marca de 3 milhões de clientes

Enquanto os novos executivos não são definidos pelo Conselho de Administração da operadora, o CEO da Oi, Rodrigo Abreu atuará interinamente nas funções vagas.

A operadora aproveitou para anunciar o nome de Roberto Guenzburger para o cargo de líder dos segmentos consumidor/empresarial, e Adriana Coutinho Viali para a liderança da Oi Soluções. Ambos vão se reportar diretamente para Abreu.

A Oi explica que essas duas nomeações refletem o processo de simplificação da empresa e que está alinhada com a venda da Oi Móvel, com o plano estratégico e o foco nas ofertas de fibra e transformação digital para clientes residenciais, empresariais e corporativos.

[ATUALIZAÇÃO – 31/08/2021 21h50]:

Em reunião realizada nesta terça-feira, 31 de agosto, o Conselho de Administração da TIM definiu que a ex-executiva da Oi, Camille Loyo, passará a exercer a função de diretora financeira e de relações com investidores da companhia a partir de 1º de setembro. Ela permanecerá na função até a próxima reunião de acionistas da TIM, que ocorrerá em 2022. Ela substitui Adrian Calazza, que está deixando a operadora para assumir o comando de uma empresa na Argentina.

Ainda nesta terça-feira, a Oi anunciou o nome de Cristiane Barretto Sales para assumir o cargo de diretora de finanças e de relações com investidores, antes ocupado por Loyo. A nova executiva tem 30 anos de atuação na área financeira e ocupava a posição de diretora executiva de planejamento e gestão financeira na Claro.

Com informações de Relações com Investidores Oi.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
CONTEUDO RELACIONADO
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários

MAIS POPULARES