Oi quer alcançar 8 milhões de casas conectadas com fibra até 2024

Operadora apresentou novo plano estratégico para o próximo triênio.

Oi quer alcançar 8 milhões de casas conectadas com fibra até 2024

A operadora Oi pretende levar o serviço de banda larga por fibra para cerca de 8,1 milhões de casas até 2024. A afirmação foi feita durante teleconferência de apresentação do plano estratégico da companhia referente ao período 2022-2024.

No primeiro trimestre deste ano, o Oi Fibra contava com 2,5 milhões de clientes conectados, além de 10,5 milhões de casas aptas a receber o serviço. Até o final deste ano, a empresa almeja alcançar 3,5 milhões de assinantes e 15 milhões de casas passadas.

Atualmente, o serviço Oi Fibra conta com liderança em market share em 52 municípios e em 13 capitais, como Boa Vista (92% de participação), Rio Branco (79%), Porto Velho (78%), São Luís (70%), Belém (61%), Palmas (46%), Rio de Janeiro (46%), Salvador (44%), Campo Grande (43%), Belo Horizonte (40%), Brasília (39%), Manaus (36%) e Goiânia (28%).

A ideia da operadora é concorrer no mercado de ultra banda larga, além de brigar pela liderança em mercados atualmente dominados pelos pequenos provedores. A receita líquida projetada para o serviço de fibra é de R$ 9,3 bilhões em 2024, ante os cerca de R$ 3 bilhões em 2021.

VEJA TAMBÉM:

–> Como a Oi conquistou uma nova percepção de marca?

–> 9% dos clientes da Oi Fibra já utilizam banda larga com pelo menos 400Mbps

–> Oi pretende voltar à liderança da banda larga, diz Abreu

“A fibra, que é nosso core, trouxe confiança para a nossa marca”, afirmou Rodrigo Abreu, CEO da Oi, durante a apresentação.

Na última semana, a Oi vendeu para o Grupo BTG o controle acionário da InfraCo, a nova empresa de rede neutra criada pela operadora. Segundo o executivo, a ideia da batizada “Nova Oi” é ter foco 100% no cliente nos próximos anos, enquanto a InfraCo ficará com a gestão da infraestrutura.

No próximo triênio, a visão da empresa é ser líder em serviço de fibra, cobre, TV e serviços digitais. De acordo com Rodrigo Abreu, a missão da companhia é “criar novos futuros, levando a vida digital para todos”.

“Com os direcionadores do seu Plano Estratégico, a Companhia perseguirá um modelo de negócios sustentável através da aceleração das receitas dos negócios core e implementação de novas fontes de receita, da readequação da sua estrutura de custos, do equacionamento da concessão e do desenvolvimento da InfraCo, com o objetivo de ser líder em soluções digitais e conexões de fibra ótica que melhorem a vida das pessoas e empresas em todo o país”, afirmou a Oi em fato relevante.

Com informações de Relações com Investidores Oi.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários