HBO Max começa a ficar próximo dos 100 milhões de assinantes

Apesar das inúmeras falhas técnicas, serviço de streaming já conquistou um bom número de assinantes mundo afora; confira o resultado.

Filmes do HBO Max
Imagem: Filmes do HBO Max

Amem ou odeiem, mas o HBO Max já soma 67,5 milhões de assinantes mundo afora. O número fica cada vez mais próximo da marca de 100 milhões, especialmente se o crescimento acompanhar o ritmo da expansão do serviço por vários países. No Brasil, a estratégia adotada pela AT&T, controladora da WarnerMedia, que comanda o serviço, foi o preço baixo.

Até o dia 31 de julho, consumidores brasileiros poderão aproveitar 50% de desconto em qualquer modalidade de assinatura do streaming. O valor permanece “para sempre”, contanto que o usuário permaneça com a sua assinatura ativa e o pagamento em dia. O plano mobile sai a R$ 9,95 e o multitelas fica por R$ 13,95.

Sem o desconto, os valores continuam em uma média razoável a julgar pela situação econômica do Brasil. A assinatura comum fica por R$ 27,90 e a mobile R$ 19,90.

A cortina que cobria os resultados do HBO Max foi derrubada durante a última apresentação de resultados da AT&T. Somente nos Estados Unidos, o serviço possui 47 milhões de assinantes, enquanto no restante do mundo soma mais 20,5 milhões.

VEJA TAMBÉM:

–> HBO Max: 6 conteúdos que deveriam estar no catálogo (mas não estão)

–> DirecTV Go confirma que assinantes terão acesso ao HBO Max

–> Globoplay congela preços de assinatura para enfrentar Netflix

Em relação ao último trimestre, foram 2,8 milhões a mais. O mercado internacional responde pelo impressionante número de 760 mil novas assinaturas. É importante mencionar também que maioria dos assinantes é advinda do varejo. Usuários que migram das TVs por assinatura já são minoria.

Os números significam que, assim como o Disney+, o HBO Max bateu sua meta antes mesmo que ela fosse concluída. A AT&T traçou o objetivo de conquistar 67/70 milhões até o fim de 2021, mas conseguiu o feito na metade do ano.

Essa sim é uma informação que pode servir de alerta para os dois principais concorrentes, que atendem pelo nome de Disney+ e Netflix. O primeiro ultrapassou a marca dos 100 milhões em março de 2021.

Com informações de ComicBook

About Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários