Trio é preso por arrombamento de torre de telefonia

Caso ocorreu em Minas Gerais e envolveu o furto de duas baterias da infraestrutura.

Trio é preso por arrombamento de torre de telefonia
Imagem: Google/Reprodução

De acordo com um noticiário local, na madrugada desta quarta-feira, 2 de junho, três indivíduos foram presos pela Polícia Militar Rodoviária acusados de arrombar e roubar baterias de uma torre de telefonia celular em uma rodovia de Presidente Olegário, em Minas Gerais.

O caso ocorreu por volta da 1h00, com a polícia sendo acionada por um representante da operadora Algar Telecom, proprietária da infraestrutura invadida.

Através do sistema interno de monitoramento por câmeras, o funcionário percebeu que o cômodo que guarda os equipamentos da torre estava sendo arrombado.

Quando chegaram ao local, no km 44 da MG 410, a polícia se deparou com o portão arrombado e aberto.

VEJA TAMBÉM:

–> Polícia prende em flagrante homem roubando equipamentos de telecom

–> Homem disfarçado de funcionário da Vivo é preso transportando drogas

–> Assaltantes utilizando uniformes da Vivo invadem empresa

A chapa de ferro que dá acesso aos equipamentos também havia sido forçada por meio de uma serra e martelo.

O trio foi flagrado próximo ao local, no interior de um veículo.

Eles negaram a participação no crime, mas caíram em contradição, após os policiais encontrarem as ferramentas utilizadas no arrombamento no interior do carro.

A suspeita é que eles tinham como alvo as baterias da torre de telefonia móvel.

Os três tinham idade entre 23 e 26 anos e foram presos em flagrante, sendo encaminhados para a delegacia de Presidente Olegário.

Os responsáveis da Algar Telecom constataram que foram furtadas duas baterias no local, as quais até o momento não foram localizadas.

O crime de roubo de baterias de torres de telefonia também foi notícia na semana passada em Cuiabá, no estado do Mato Grosso.

A Polícia Civil local indiciou seis pessoas por roubo de baterias das operadoras Oi, Vivo, TIM e Claro.

O grupo roubou pelo menos 226 baterias estacionárias, provenientes de estações repetidoras de telefonia móvel.

O material apreendido estava localizado em uma distribuidora de baterias, estando prontas para serem enviadas para o processo de reciclagem.

Com informações de Patos Hoje.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários