Novo satélite da Viasat que atenderá o Brasil conclui fase de testes

Com o lançamento, a empresa poderá oferecer internet banda larga com velocidade de até 100 Mbps.

Novo satélite da Viasat que atenderá o Brasil conclui fase de testes

A empresa Viasat anunciou que o primeiro satélite da nova constelação global ViaSat-3, que atenderá as Américas, incluindo o Brasil, concluiu a fase de integração e testes de desempenho.

O novo satélite foi enviado para a instalação da Boeing Satellite Systems em El Segundo, na Califórnia, nos Estados Unidos.

Agora, ele passará por novos testes para simular o estresse da decolagem e funcionamento no ambiente espacial.

O lançamento do satélite da Viasat está previsto para ocorrer no início do ano de 2022.

VEJA TAMBÉM:

–> Viasat quer impedir que SpaceX lance mais satélites da Starlink

–> CCT quer debater efeitos da venda da Telebras na operação de satélite brasileiro

–> Telebras anuncia antena que permite internet via satélite no carro

Este será o primeiro de três satélites que comporão a nova constelação, cobrindo todo o globo.

Espera-se que eles forneçam mais de 3 Tbps de capacidade total por 15 anos ou mais.

Com ele, a provedora poderá oferecer aos usuários internet banda larga via satélite com velocidades de até 100 Mbps, na banda Ka.

Atualmente, a Viasat já oferece o serviço para os brasileiros por meio de um contrato com a Telebras, utilizando o Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicação (SGDC).

“Este é um momento de grande entusiasmo para a Viasat, com o primeiro dos três satélites de alta potência ViaSat-3 de nossa constelação global entrando nos estágios finais de produção”, afirmou Dave Ryan, presidente da Viasat Space & Commercial Networks.

“Uma vez concluído, estaremos prontos para colocar o maior satélite do mundo em capacidade na órbita geoestacionária para atender todo o mundo, disponibilizando banda larga para as áreas mais difíceis de alcançar em qualquer lugar, seja em terra, no ar e no mar”, finaliza.

A Viasat também está construindo os outros dois satélites, sendo que o segundo deverá ser entregue à Boeing no final de 2022.

Em maio passado, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) concedeu o direito de exploração da nova constelação da Viasat no Brasil.

Com informações de Assessoria de Imprensa Viasat.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários