InícioTelefonia CelularVivo manteve liderança no mercado de telefonia móvel em 2020

Vivo manteve liderança no mercado de telefonia móvel em 2020

Claro aumenta a vantagem em relação à TIM, que segue em queda. Oi permanece na lanterninha.

Vivo manteve liderança no mercado de telefonia móvel em 2020

Durante 2020, a operadora Vivo não apenas manteve a maior participação no mercado de telefonia móvel, mas também apresentou crescimento no número de acessos, passando de 74,58 milhões ao final de 2019 para 78,53 milhões em dezembro do ano passado.

Os dados são do “Relatório de Acompanhamento do Setor de Telecomunicações – Telefonia Móvel referente a 2020”, divulgado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) nesta segunda-feira, 19 de abril.

O documento também ressaltou que a Claro aumentou a vantagem em relação à TIM.

Desde 2017, as duas operadoras disputavam o segundo lugar da operadora com maior número de clientes no país.


VIU ISSO?

–> 5 Ofertas de telefonia móvel (e internet) que os clientes querem ‘bis’

–> Brasil registrou 560 mil portabilidades numéricas na telefonia móvel em março

–> Os 4 anos de Paulo César Teixeira à frente da Claro; o que mudou?

Entretanto, durante a pandemia, a Claro saltou de 54,49 milhões de acessos em 2019 para 60,20 milhões em 2020.

Já a TIM seguiu o caminho inverso, caindo de 54,45 milhões, para 51,43 milhões de usuários, no mesmo período.

No geral, a TIM foi a empresa que perdeu a maior quantidade de acessos, enquanto a Claro foi a que mais ganhou.

O relatório da Anatel aponta que uma das causas para a queda no número de acessos da TIM se deve à mudança na rotina dos brasileiros durante a pandemia, com as pessoas passando mais tempo em casa e utilizando a internet fixa para estudar ou trabalhar.

Como a TIM não tem o apelo de uma oferta que inclua em um mesmo combo os serviços de telefonia celular, banda larga fixa e TV por assinatura – como ocorre com as rivais -, a operadora viu o número de acessos móveis recuar.

Além da TIM, a Oi também apresentou uma leve redução no número de acessos, variando 36,79 milhões para 36,65 milhões, ao final dos anos de 2019 e 2020, respectivamente.

Em dezembro do ano passado, a Vivo possuía 33,55% do mercado de telefonia, seguido da Claro (25,72%), TIM (21,97%) e Oi (15,66%).

Pequenos provedores somam 3,10% de participação no setor.

A Vivo também lidera o número de acessos em 2.400 municípios brasileiros, a Claro em 1.286, TIM em 1.056 e a Oi em 777.

Com informações de Anatel.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

10 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
10 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários