InícioEconomia e NegóciosCom dívida bilionária, AT&T vende parte da DirecTV

Com dívida bilionária, AT&T vende parte da DirecTV

Operadora americana receberá US$ 7,8 bilhões no negócio, usando o dinheiro para pagar credores.

Nesta quinta-feira, 25 de fevereiro, a AT&T anunciou que fechou um acordo para a venda de uma participação minoritária da unidade de TV via satélite DirecTV, do streaming AT&T TV e do IPTV U-Verse, nos Estados Unidos, para a empresa de private equity TPG.

No acordo, as empresas formarão uma nova empresa, batizada de “New DirecTV”, que será proprietária e operadora dos serviços pagos de vídeo.


Na transação, a TPG deverá pagar à AT&T a quantia de US$ 7,8 bilhões (43,05 bilhões na cotação atual) para ter 30% da New DirecTV.

O dinheiro será utilizado pela AT&T para pagar parte da dívida bilionária da operadora, que chega a US$ 159 bilhões (R$ 877,55 bilhões).

VIU ISSO?

–> AT&T acumula prejuízo bilionário no último trimestre

–> AT&T/Warner quer criar streaming grátis nos moldes da Pluto TV

–> Oficial: HBO MAX chega ao Brasil em junho

Especialistas afirmam que a compra da DirecTV foi um mau negócio para a AT&T.

Em 2015, a gigante de telecomunicações americana comprou a DirecTV por US$ 48,5 bilhões (R$ 267,68 bilhões), ou mais de US$ 67 bilhões (R$ 369,78 bilhões) se forem incluídas as dívidas da empresa de TV via satélite.

Entretanto, nos últimos anos, a DirecTV perdeu cerca de 8 milhões de clientes, motivado principalmente pela migração de usuários da TV paga para as plataformas de streaming.

Há meses a AT&T buscava vender a DirecTV, ou pelo menos parte dela.

Hoje, a New DirecTV é avaliada em US$ 16 bilhões (R$ 88,31 bilhões), cerca de um terço do que a AT&T pagou pela antiga DirecTV.

“Certamente não esperávamos esse resultado quando fechamos a aquisição da DirecTV em 2015”, afirmou o CEO da AT&T, John Stankey.

Com informações de Hollywood Reporter e CNN.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários