Aplicativo denuncia conteúdo impróprio na TV por assinatura

Iniciativa engloba também TV aberta, streaming e diversos outros meios de comunicação.

Ilustração - Criança
Imagem: Pixabay

Colocar uma criança na frente da TV pode ser fácil para os responsáveis, afinal, elas estarão distraídas e sossegadas. Entretanto, os perigos existem e há o risco de todas estarem expostas a uma série de conteúdos inadequados.

Ter acesso a coisas impróprias pode desencadear em comportamentos agressivos, ansiedade, medo, concepções errôneas sobre a violência real e sexualização precoce.


Em combate a isso, a Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/ FIOCRUZ) desenvolveu o aplicativo “EU FISCALIZO” para que mães, pais, responsáveis ou pessoas que possuam autoridade sobre um menor possa denunciar a exibição de um conteúdo inadequado.

O projeto tem autoria de Claudia Galhardi, pesquisadora de Pós-Doutoramento da Fiocruz. Ela explica que a ideia surgiu a partir da preocupação com a qualidade da TV, dos meios de comunicação e entretenimento.

VIU ISSO?

–> COMPARATIVO: Saiba qual é a melhor TV por assinatura do Brasil

–> Streaming pode matar a TV por assinatura em 2020?

–> TV por assinatura perde assinantes pelo 5º ano consecutivo

“À priori em face da criança e do adolescente. Nós temos vários estudos que trabalham os conteúdos nocivos em face da criança e do adolescente. E no desenvolvimento da pesquisa em pós-doutorado na Fiocruz nós detectamos uma quantidade expressiva de violência na televisão brasileira e com teor sexual”, disse a especialista.

As denúncias são válidas para o streaming, TV aberta e paga, jogos eletrônicos, cinemas, peças de teatro, publicidade e redes sociais.

Galhardi explica também que não se trata de uma plataforma só para denúncias. É um canal de diálogo do cidadão com as instituições. Elogios e recomendações também são bem-vindos, especialmente para quem buscar dicas.

O aplicativo foi feito com parceria do Ministério da Justiça, o Instituto Alana e Coletivo Intervozes.

Até o momento, o download está disponível apenas na Play Store, do Android.

Com informações de EBC

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de